Terça-feira, 30 de Novembro de 2004

...novas fronteiras???... Quiçá!!!...

…fronteiras, como barreiras intransponíveis???...

Não!!!... Fronteiras, como limite, como fim,

como começo, finalizar dum ciclo… de asneiras inverosímeis,

de trapalhadas, de confusões, de arremessos,

de confrontos, de agitação, de imposições,

de negociatas, de bravatas, de convulsões,

de mentiras mil, de enganos …tamanhos,

 

fronteiras de esperança,

as que eu peço,

embora já ostente um ror de anos,

pelos mais novos, pelos jovens,

pelo começo, pela vida que se inicia,

que principia,

pelo raiar duma nova aurora,

num novo dia,

 

pelo acalmar desta turbulência,

no cume, na base, antes que entorne,

antes que extravase,

com acutilância,

pela ganância,

pelo autismo,

dos poucos que… se julgam muito,

num deslumbre,

num paroxismo, sem razão,

porque… passageiros,

 

lobos em matilha,

excesso de uivos,

pouca gente,

sendo últimos,

como primeiros,

no limite,

 

já na fronteira,

no dealbar,

como barreira,

gente que se agiganta,

a que aguenta,

incómoda,

desavinda,

grande agitar,

 

de desconforto,

no grande engodo,

no que se tenta,

mentindo,

enganando,

 

quando se enfrenta,

tanta intolerância,

tanto descrédito,

…tanta manigância,

 

na voragem,

na rapacidade,

longe da verdade,

 

numa gula,

num descontrole,

numa grande ânsia,

pelo Poder,

 

pelo dinheiro,

…pura maldade,

sem igualdade,

sem critério…u,

m adultério,

 

perante um Povo que se enfraquece,

que fenece,

que se calca,

que se engana,

que se trama,

 

que já não quer,

que vira costas,

que vai embora,

que quer ter sonhos,

que quer ter esperança,

que já… não chora,

 

que aguarda essa fronteira,

a que avança,

a que agarra,

com denodo, com… vontade,

querendo crer,

mais uma vez…, em liberdade!!!... …

 

vamos tentar, uma vez mais,

calemos nossas revoltas,

nossos ais,

arvoremos novas bandeiras,

que venham… essas fronteiras!!!... …

 

não nos enganem,

não nos tramem,

já machucados,

postos de lado,

mais que espezinhados,

 

não nos inflamem,

tenham cuidado,

 

quando o Povo está calado,

quando se sente,

como gente,

gritando, enraivecido,

arrasta tudo,

…enlouquecido,

 

querendo mudar,

quando perdido,

deita fora,

manda embora,

faz revolução,

com boa intenção,

pelos que estão, …pela Nação!!!... …

 

não somos brandos, não somos mansos,

não somos tansos,

somos gente de bem,

pobre,

honesta, sem vintém,

somos portugueses,

somos alguém,

queremos ter,

queremos ser,

queremos sentir,

cantar, dançar, sorrir,

 

em harmonia,

com alegria,

sem desajustes,

em equilíbrio,

com verdade,

com dignidade, …com brio!!!... …

 

que se cerrem as fronteiras do descrédito,

que se abram as fronteiras da mudança,

que se inicie um novo ciclo,

em contra-ciclo,

numa ténue esperança,

enquanto se visualiza,

enquanto se …acredita,

 

mudando políticas e políticos… de mentir,

deixá-los ir,

…deixá-los fugir,

honestidade, como norma,

verdade que… se forma,

 

que se instala,

que se institucionaliza,

quebrando,

como uma fronteira,

toda a trapaça,

toda a chalaça,

como inquebrantável barreira,

concreta, real…, verdadeira,

não …simples fumaça,

quer se queira…

ou... não queira!!!...Sherpas!!!...

 

{#emotions_dlg.confused}{#emotions_dlg.mad}{#emotions_dlg.sad}

publicado por sherpas às 07:45
link do post | comentar | favorito
|
Domingo, 28 de Novembro de 2004

...procuro e...não te encontro!!!...


…onde está a retoma…para onde foi a crise???... Procuro e…não te encontro!!!...

…que aumenta os vencimentos, que diminui o IRS, que vai dar nova esperança de vida aos portugueses, para os ditos… não ligarem, não fazerem caso dos ruídos que por aí se espalham, que incomodam Sua Excelência e, pelos vistos…os seus apaniguados, claro!!!... Palavra de honra!!!... Quem poderá crer nestas palavras, tão contrárias ao que se proclamou, ainda há poucos dias… atrás???... Quem poderá crer num desgoverno que dá e…tira, como norma, como estratégia, num avança e recua, descarado, desfasado, sem sentido???...

…que dizer dos direitos adquiridos, os do passado, aviltantemente… perdidos, sacados, com desfaçatez???... Que dizer das instituições públicas arruinadas, como vamos sentindo, como nos vamos… apercebendo???... Que dizer das amplas mordomias, das benesses sem fim prodigalizadas a eles próprios, aos do clube, aos incompetentes com cartão, é evidente???... Que dizer das manobras em relação a fundos de pensões, dos CTT, da CGD e doutros sítios, os mais inesperados???... Que dizer dos planos de poupança???... Que dizer das imposições, censórias ou não???... Que dizer das vendas extraordinárias, sob o segredo dos Deuses, como grandes negociatas positivas para quem as realiza, os que podem, pois então, desbaratando todo um património que… é de todos???... Que dizer do perfil dos que nos impuseram, graças ao bom senso de Sua Excelência Maior… que, quanto a obra, só lhes conhecemos uns escritos maléficos e sarcásticos… num semanário, umas negociatas escuras numa Universidade, quanto a um e, quanto ao outro…um indeciso, apreciador do belo sexo, noctívago por devoção, político de tretas mil e, nada mais!!!... Enfim, admito…cada um é como cada qual, tal e qual!!!... Quem sou eu???...

…agora, vai pelo caminho do outro, do que fugiu lá para Bruxelas…esquece-se do desemprego, dos pobres, dos miseráveis, do ensino, da saúde, do ambiente, da segurança…esquece-se dos portugueses, em geral e… toca a prometer!!!... A promessa, de qualquer maneira, como bandeira, dizendo ou desdizendo, em consonância ou ao arrepio, ao invés, tanto faz, de tudo é capaz, desde que mantenha o Poder, desde que continue como Senhor dos Anéis!!!... Irra, será que se não vislumbra???... A Madeira e o seu parceiro Alberto, aguardam por eles…ansiosa e permanentemente!!!... Boa viagem e que…se mantenham por lá!!!... As políticas de mentira, não nos interessam, machucam-nos, diminuem-nos, fazem-nos passar por parvos!!!... Já chega!!!...

…não nos diminuam mais, não nos julguem tansos e brandos, como dantes!!!... Deixem-se de tretas, de falinhas mansas e cordatas, de atitudes indulgentes, permanentes, de leis de…pouca monta, as que não contam!!!... Façam andar o País para diante, criando postos de trabalho, incentivando, apostando nas pessoas, como deve!!!... Quem se atreve???... Com faladuras, palavras meigas ou…duras, não vamos a lado nenhum!!!... Caímos num impasse, simples trespasse, dum tanguista, para…um artista, nada mais!!!... Já chega!!!... Queremos ver obra, a que não chega, a que, de parada…não se vê nada!!!... Onde está a retoma???... Será que o desemprego diminuiu ou…aumentou???... O decreto do fim da crise…não funcionou!!!... Ela, persiste, existe, vê-se em cada canto…um desencanto!!!...
…entretanto, com desencanto, ressuscitou uma excelência do passado, dizendo que os políticos actuais são uns incompetentes… que os fazedores de obra, os de outrora, quanto a ele, é evidente, outra gente, se bem pagos, claro… devem tomar as rédeas do Poder!!!... Pasmo…quedo incrédulo, com estes e…com os do passado, como este ressuscitado, podem crer!!!...Bom domingo e…cuidado com os gastos, a vidinha está na mesma, embora apregoem o contrário!!!... Sherpas!!!...


publicado por sherpas às 07:50
link do post | comentar | favorito
|
Sábado, 27 de Novembro de 2004

...justiça...seja feita!!!...




…os portugueses clamam…por justiça, invectivam, disparam barbaridades para todos os lados, sentem-se ultrajados, menosprezados, diminuídos nos seus direitos, ofendidos perante factos… passados, actuais, vistos e revistos nas televisões, nas rádios, nos jornais, num faz de conta, revoltante, gritante, chocante, tanto agora…como dantes!!!... Não querem acreditar que continua havendo, como sempre…duas justiças, uma, para… os ricos, outra, para… os pobres!!!... Dois pesos, duas medidas…numa continuidade hipócrita, sem verdade!!!... Tantos CASOS que…depois de justiçados…deram em nada, simplesmente!!!... Está, perante todos…sempre presente, essa imagem!!!... Quem tem posses… paga e, com mais ou menos voltas, com mais ou menos requerimentos…lá vão prescrevendo, os ditos!!!... A justiça em Portugal, numa democracia que se preza…assim o proclamam os políticos, está completamente zarolha, desequilibrada, mais ou menos inclinada, consoante o peso da carteira…de cada um, de cada qual, afinal!!!... Fazem-se sondagens aos cidadãos…sobre o estado da justiça, sobre o estado da democracia, sobre o estado dos partidos políticos, sobre o estado da sociedade, em geral…no que mais a pode afectar, no que mais a pode beneficiar e, o resultado das referidas, dá igual, profunda descrença, desilusão plena…pouca esperança, embora, certos eleitos…tentem fazer passar o contrário!!!...

…a justiça???... Chiça!!!... Exclamação que, vezes por outras…me ocorre, perante factos concretos de impunidade, de imunidade plena…a determinado nível social, o dos intocáveis, o dos invulneráveis, hábeis com as leis que os beneficiam, hábeis com os estratagemas que os protegem…desde há trinta anos para cá, pouco mais, pouco menos, claro!!!... Muita parra…pouca ou nenhuma uva, pelos vistos!!!... O Povo não esquece, vai observando, vai gravando na memória, vai rejeitando… o que não presta, o que apesta, quando confrontado com situações repetitivas, aflitivas, descredibilizantes…tal como dantes!!!... Razão que, quanto a mim…não é necessário ser formado em psicologia, ter nenhuma espécie de licenciatura ou mestrado, relacionados com o comportamento humano, individual ou colectivo, em sociedade, para se chegar a esta triste e penosa conclusão, aqui e agora!!!... Qualquer um de nós, em conversa amena com o próximo, amigo, conhecido…pessoa de ocasião, se apercebe, com facilidade, dessa tremenda frustração que assola a mente de todos nós, portugueses normais, vulgares e…correntes, outras gentes!!!... Justiça???... Chiça!!!...

…está na berra, veio à baila…é notícia permanente, pertinente, horrenda e cruel, desumana, quiçá…pela índole que comporta, pela perversão que transporta, pela criança em si, a mais pobre, entre as pobres… os gansos, os sem nada, os desprotegidos, usados e abusados, uma centena, duas centenas…quantos mais (???...), talvez uns milhares, ou mais, desde sempre (???...), por quem, com a conivência e a incúria de quem… na altura, era governo!!!... Não havia mais responsáveis, com provas concretas, objectivas…além desta mão cheia de tarados, pedófilos convictos, doentes, com…ou sem posses???... Tantas perguntas me ocorrem ao pensamento, tantas respostas que…por mais que tente, não obtenho, tanta revolta sinto… como pertencendo, fazendo parte desse Povo que grita, que invectiva, que clama…por justiça!!!...

…Casa Pia, julgamento que se inicia, testemunhas que se arrolam, arguidos que se colocam em frente de acusadores, com defensores, vítimas que apelam…nas mesmas circunstâncias, sobre as quais foram cometidas selvajarias, barbaridades inverosímeis, taradices abjectas e…nojentas, marcadas para o resto das suas vidas, ainda crianças…não protegidas por quem de direito, pelo Estado que, não cumpriu a sua parte, falhou, faltou, não serviu…como se vê, como se viu!!!... Justiça seja feita…apela o Povo, invectiva e grita, raivoso, choroso, envergonhado pelo cometido, sobre o melhor do Mundo…as crianças, ainda mais, aquelas, com tantas e tantas sequelas!!!... Justiça???... Chiça!!!...

…vamos ver no que dá!!!... Teremos uma justiça digna e credível, igual para todos os cidadãos…ou não???... Aguardo, com ansiedade…pelo esclarecimento pleno de todas as culpas, pelo castigo adequado do faltoso, pela mudança do meu pensar, do pensamento de todos os meus concidadãos sobre a dita, a referida, a que se exige, com fervor, com clamor…com amor pelos abusados, com raiva, com ódio, com vergonha, com desprezo…pelos autores, pedófilos confessos, seres desprezíveis, reles criaturas!!!... Justiça…seja feita!!!... Sherpas!!!...
publicado por sherpas às 12:13
link do post | comentar | favorito
|
Sábado, 20 de Novembro de 2004

...da missa...nem a metade!!!...




…da missa… nada sabemos, assistimos só a metade, a que lhes convém que vejamos, a que, depois de bem burilada, nos diz, muito pouco, quase nada!!!... Está-nos vedada, simplesmente, a obra completa, claro!!!... Nos bastidores, entre eles, tal como em famílias bem unidas e com secretismos absolutos, o segredo é a alma do negócio, cozinham quase tudo, distribuem-se arranjinhos, tachos, tachinhos e tachões…uns aos outros, aos galinfões e… um montão de ilusões, para os papalvos, os de sempre, os que pagam o pato!!!... As políticas que nos caíram em cima, funcionam desta maneira, quer se queira ou não queira, com ou sem fronteira…da mesma maneira!!!...

… com esta simplicidade de raciocínio, admito-o, confesso-o… funcionam todos os partidos, das esquerdas às direitas, nesta mentirocracia oficializada, aceite, definitivamente cimentada neste e em muitos outros países, chamados de democráticos!!!... De todas as formas de governação, dizem eles, os políticos profissionais, até à exaustão que, mesmo assim…é a melhor!!!... Sempre dão ao Povo, pensam, sem razão… a possibilidade de fazer uma cruzinha num papel, de tempos a tempos!!!...

… depois, bem…depois, é aguentar, como estamos aguentando, sem tugir, nem mugir, com manifestações de protesto, com greves, com comentários escritos ou ditos, contrários ou a favor, consoante e…conforme!!!... Há quem os aceite, quem, devido a estas manifestações, aquando no Poder…se tente modificar!!!... Pelo contrário, como estamos vendo, como nos apercebemos…há quem não admita, quem não permita!!!... Mal vai a COISA, quando assim é, pois é!!!...

…democracia, como aquela em que vivemos desde há trinta anos para cá, em que os principais beneficiados são os políticos, com mais ou com menos regalias, bem situados, acomodados, em segurança, com boas reformas, a tempo e a horas…não me convence!!!... Sempre a pensei dentro do espírito da igualdade, da liberdade, da solidariedade!!!... Ultimamente está pervertida, consentida, fingida, mentida, atrapalhada!!!...

…aguardo, com expectação, a reviravolta…por alturas das eleições, as de 2 006, claro!!!... Que seja uma fronteira, não uma barreira, uma linha que se atravesse e nos dê, aos portugueses em geral, maior equilíbrio, maior sentido de responsabilidade, de capacidade e competência governativa, de dignidade, de moral e ética, de esperanças novas, especialmente…aos mais carentes!!!... Que se ataquem, de verdade, os que fogem ao Fisco, que se acabem com as mordomias e… outras fantasias!!!... Gostaria de ver, gostaria de sentir orgulho e vaidade em políticos sérios e credíveis, portugueses… de corpo inteiro!!!... É tempo de acabar com joguinhos de treta, com rebaldarias esfusiantes, aviltantes, degradantes!!!...

…se, por acaso…não acontecer, faço como o Marcelo, meto a língua no saco, fecho-me em copas, deixo de escrevinhar, deixo de pensar…vou como os outros, em rebanho, como se nada!!!... Sherpas!!!...
publicado por sherpas às 07:08
link do post | comentar | favorito
|
Quarta-feira, 17 de Novembro de 2004

...palavras...leva-as o vento!!!...

…com o terceiro orçamento extraordinário…ficamos mais pobres, é claro!!!...

…brigar, sabem brigar…é um facto mais que evidente, realmente!!!... Ficam-se por aí…por enquanto!!!... Que a culpa foi tua, que a culpa não é minha, que nós é que estamos certos, que vocês…estão, todos errados!!!... Ao fim de trinta anos…estamos nisto, numa de Sporting X Benfica, nada mais!!!... Quanto a resolução de problemas, os fundamentais, os que se impõem…a bem das populações, pior do que estávamos, a léguas!!!... No Parlamento…o CIRCO, continua!!!... Não valia a pena…porque, todos sabemos o resultado final!!!... É mais uma discussão…infundada, que dá em nada!!!... O orçamento está…mais que aprovado, pelos tansos de sempre, para os mansos de sempre!!!...

…discutir o orçamento de Estado para o ano… que se aproxima, canseira vã, perda de tempo, simples entretenimento, figuras ridículas e caricatas, as que se repetem todos os anos, desde que esta maioria cozinhada…se instalou!!!... Não vai haver diferença na sua concepção, na sua feitura, no que está determinado, mesmo que errado…pelo dizer, pelo escrever de tantos e tantos especialistas, destas coisas das finanças, dos dinheiros, dos milhões, bem ou mal repartidos, está mais que visto…pois, com os votos dos que aplaudem sempre, esteja certo, ou esteja errado, são passos perdidos, dentro e fora do local, com conversas sonegadas, em silêncio, ou com gritarias e berros…para português ver, claro!!!...

…com estas atitudes e aprovações, nos enganam, com estas nos vão entretendo, com estas…levam a água, aos seus moinhos, os de sempre!!!... Quantas mentiras se amontoam, mais ou menos encapotadas, disfarçadas de alvoradas claras, risonhas e transparentes…para as outras gentes, as que roubam, por sistema!!!... Já habituados, vamos encolhendo os ombros, vamo-nos diminuindo e, como se nada…mais uma lei comezinha, de capital importância, que pode render alguns cobres aos cofres do dito, com uma hipocrisia santa de preocupação pela saúde dos portugueses, especialmente dos fumadores passivos, a proibição, pura e dura, com a respectiva coima em perspectiva…sobre os que fumam em locais públicos, bares, discotecas e restaurantes!!!... Uma beleza, tal e qual!!!... Legislar…neste sentido, no comezinho, não custa nada!!!... É preciso ter coragem…para implementar leis como esta, num frenesim constante!!!... Na aplicação da referida, tais como nas outras…já aprovadas, em acção, vai um salto duma lebre, ou dum galgo, ou…uma grande distância porque, os portugueses, são difíceis de controlar!!!... Todos prevaricam…inclusive os que…pela situação, pela posição, como exemplos, deveriam ser os primeiros a cumpri-las, às tais, às que…deitam cá para fora, em catadupa!!!... Se acontecesse o mesmo com os dinheiros, com os empregos, com as casas adquiridas, com os pobres e as misérias…era uma lindeza, equilibrar-nos-íamos, certamente…num rompante!!!...

…sobre o orçamento…toda a oposição vai votar contra porque… o considera péssimo, em todos os aspectos, nada social, pouco democrático, pelas discrepâncias, extravagâncias disfarçadas, manipuladas, mais que estudadas, prejudicando a classe média, a que se vai diluindo, aos poucos, coisa de loucos!!!... Cada vez mais Brasil, tal o fosso que se adensa e aprofunda…entre ricos e pobres, terceiristas, num futuro não muito longínquo, a médio, a curto prazo…já instalados!!!... Dá para ver…é concreta e abjecta, a situação!!!... Só as Excelências, com as suas excrescências, não lobrigam, sequer…não vislumbram, enquanto vão brincando aos governos, com birrinhas de caca, com incompetências mil, de escancarar a boca, de espanto!!!... Que não, afirmam com quanta força têm, que a classe média não vai ser beliscada, com essa dos PPR e dos PPH!!!... A que classe média se referem, à dos políticos no activo, com seiscentos ou setecentos contos por mês, de vencimento ou…mais, muito mais, certamente…porque os da verdadeira classe média, os dos duzentos, trezentos, quatrocentos contos mensais…vão pagar o pato, como sempre, vão perder privilégios, no IRS e em todos os sectores, pagando, como sempre… as asneiras desta Coligação esquisita!!!... Os que, nem aos duzentos chegam…vão-nos iludindo, como norma!!!...

…quanto aos dos seiscentos por mês e…por aí adiante, não o gastam nestas insignificâncias mas…noutras, as das extravagâncias, fundos, obrigações e…acções, não vão ser, sequer…melindrados!!!... Em PAZ!!!...

…as políticas do sucessor são as mesmas do que fugiu para Bruxelas, nada sociais, impostas, pouco democratas, na linha dura da direita extremada, autista e arrivista, com muito enganos maviosos…pelo meio, com mais simpatia, mais estilo santanista, não tão lúgubres e demoníacas como as do Zé…o da Europa!!!… As crises passadas, já não são crises, por decisão de Sua Excelência, a sucessora…perante congresso pejado de gentes da cor, decidiu, mesmo ali, acabar com elas!!!... Passos de magia!!!... Verdadeiro mago nos impuseram, nos deram…numa continuidade de faz de conta, num PP(D)/P(SD), direitista e enganoso, aliado a uma Amostra que comanda, por conveniência, por jeito, do atrás referido, mais extremada, igualados no proceder…num País de pobres, de carentes de vária ordem!!!... Até quando se intitularão e se considerarão como donos desta coutada???...

…enfim, quanto a palavreado…são uns artistas, quanto a feitos…é o que vamos vendo, mais do mesmo, nada, simplesmente!!!... É um gosto, sumo prazer…ser desgovernado por gentes destas, com sorrisos e sarcasmos, numa trapalhada que se avoluma, que aumenta, que continua, sem…obra feita, um descaro!!!... Lá para 2014, 2020, 2050…quiçá!!!... Depois digam…que não avisei???... Deixem-se ir no bote que…qualquer dia, nem para a bica vai dar!!!... É EXTRAORDINÁRIO!!!... Sherpas!!!...
publicado por sherpas às 13:18
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

...afinal, havia outra!!!...


…afinal, havia outra…crise, é evidente!!!...

…profundamente tristonho, com lamentos, sentidos bem no âmago, bem no fundo, desde o congresso, o do retrocesso… realizado há dias, poucos, meia dúzia de horas, quiçá…cada vez mais me fico com uma desconfiança tremenda, avultada…de gabarito, tão grande ela é!!!... Afinal quem está no Poder, continua sendo a tal maioria cozinhada, estou a referir-me aos deputados na Assembleia da República porque, quanto aos outros…não os reconheço, porque não eleitos, simples sucessores e amigos íntimos, uns dos outros!!!... Por essa razão, maior a minha confusão…quanto a contenção, quanto a défice, quanto a tanga, quanto a desemprego, (…aumentou, pelos vistos!!!...) quanto a crise, quanto a recessão, quanto a qualidade de vida, em todos os sectores importantes na sociedade em que vivemos, (…nem sei como!!!...) quanto a ambiente, quanto a segurança, quanto a esperança, a que se não alcança, quanto a sonhos, cada vez mais…pesadelos, tal a quantidade de mazelas, as que persistem, as que existem…perante todos, ao nosso lado, concretas e abjectas, embora neguem e nos tentem meter pelos olhos dentro, o que não é evidente!!!...

…afinal quem está no Poder, a tal maioria, a que decide…é, nem mais, nem menos, a que já estava, a que aplaudia, todos os esforços, todos os sacrifícios, nos tempos do que fugiu, o Durão (…que vidinha boa…ele tem, agora!!!...) o que, com cara dura e carregada, invectivava a oposição, culpando-a de todos os erros…a fim de justificar as políticas erradas e erráticas, as praticadas, pelo sujeito de então!!!...

…afinal, a tal maioria, a cozinhada, a dos aplausos eufóricos e feéricos, em pleno hemiciclo, a que punha nos píncaros a Manela, a obsessiva, a que nos deitou mão a muitos dinheiros, ao longo de dois anos, quase nos pondo a pão e água…sacrifício tremendo…é a mesma, a que aplaude o sucessor e os amigos do peito, irresponsáveis e incompetentes, outras gentes, periclitantes, hesitantes…num rodopio constante, num avança recua doentio, dando a impressão que…nem eles próprios acreditam neles e…no que não fazem, pobres deles…em políticas inversas, no curto espaço de três ou quatro meses, prometendo boa vida, dinheiro aos baldões, muitos milhões, sem défice, sem obsessão, sem crise, sem recessão, tudo curado…num momento dado, como passe de magia ou…pura fantasia???...

…afinal, o homem…embora fale e gesticule muito, autêntico artista de fila…com sus muchachos e implementações precipitadas, num convencimento crescente, vai tentando ganhar gente, na altura dos votos, os que se aproximam, com voracidade, com mentiras (???...), com verdades (???...), de qualquer maneira e jeito, ao modo dele, populista e demagogo, dos sete costados…afinal, é o que está agora elevado e aplaudido até ao paroxismo, pela tal maioria, a cozinhada, a que se não visualiza, a que…anda de mão em mão, não sabendo bem o que quer, sem opinião formada, numa grande salsada…utilizada por outra, a que nos impuseram, sob o auspício, elevado patrocínio…de Sua Excelência que, respeito, pelo cargo, claro!!!...

…afinal os CASOS, os mais mediáticos, os que nos foram entretendo, os que nos foram baralhando, pelos vistos, vão…dar em nada!!!... Os presumíveis culpados, bem misturados, aceites no meio, como se nada…já se dão ao luxo de opinarem, de julgarem, de aplaudirem ou não, estão no seu direito, é evidente, continuam só…como presumíveis, pouco credíveis mas…mais inocentes!!!... Não sei bem que tipo de País é este, embora…goste dele, como meu, como de todos os meus compatriotas, levados como tansos, como idiotas, num curto espaço de tempo, três ou quatro meses, afinal!!!...

…agora, além de tantas outras…mais uma crise, a da Amostra de Coligação mas, com os ares do Tejo, num barquinho e tudo (…que bonito!!!), chegaram a acordo!!!... Que pena…ainda não foi desta que nos livrámos de palhaçadas, as que existem, todos os dias!!!...

…afinal…como é???... Estamos, não estamos, deixámos de estar???... Somos, não somos, deixámos de ser???... Temos, não temos, deixámos de ter???... Afinal, gostaria de…saber!!!... Sherpas!!!...
publicado por sherpas às 06:04
link do post | comentar | favorito
|
Sábado, 13 de Novembro de 2004

...um berlinde...uma bola!!!...




…um berlinde, uma bola,
um riso cristalino,
um salto, uma cartola,
uma cabeça…de menino,
uns olhos…escancarados,
ávidos…mais que sôfregos,
alegria, por tantos lados,
beijos, abraços, afagos,
um querer, um amor,
continuidade, prolongamento,
criança que… vais ser homem,
num instante, num momento!!!...

…um pingente…pouca gente,
tanta gente…num corpinho,
pedaço… que muito sente,
tanto a dor…como o carinho!!!...



…quantas há…que não comem,
filhas, filhos… meninos, meninas,
crianças…sem o serem,
ainda débeis…pequeninas,
quanta dor, quanta amargura,
vidas cruéis…sofredoras,
existência…mais que dura,
quando gritas…quando choras,
crianças… tão pequeninas,
em mãos… assassinas!!!...

…um pingente…pouca gente,
tanta gente…num corpinho,
pedaço… que muito sente,
tanto a dor…como o carinho!!!...


…um brinquedo…que se compra,
um riso…de criança,
satisfação…de muita monta,
quando se ouve, quando se alcança,
um palhaço, que o faz rir,
um desenho…que alinhava,
uma cor, um sentir, um porvir,
imagem… que se nos grava,
que nos amolece…engrandece,
que perdura… não fenece,
um chorrilho de palavras,
sem nexo, atabalhoadas,
com mimos…com que as lavras,
dadas ao vento…espalhadas,
quando…embevecidos,
te olhamos… te amamos,
abençoados… queridos!!!...

…um pingente…pouca gente,
tanta gente…num corpinho,
pedaço… que muito sente,
tanto a dor…como o carinho!!!...

…crianças…mal amadas,
vítimas…inocentes,
reduzidas, maltratadas,
nozes…para os sem dentes,
perversos…poucas gentes,
mentes doentias, sórdidas,
escarros, dejectos abjectos…mórbidas!!!...

…um pingente…pouca gente,
tanta gente…num corpinho,
pedaço… que muito sente,
tanto a dor…como o carinho!!!... Sherpas!!!...



publicado por sherpas às 07:02
link do post | comentar | favorito
|
Sexta-feira, 12 de Novembro de 2004

...fui criança...inocente!!!...

…para todas as crianças do Mundo que, nem… sequer, deixaram ser crianças, que não deixaram…crescer!!!... Alteraram-lhes o caminho, esses seres raivosos, desalmados, para mal dos seus pecados… assassinos sem piedade, brutas feras…rapaces!!!...


…fui criança inocente,
cresci, fiz-me enorme,
ainda era adolescente,
muito antes de ser homem,
simples amostra…de gente,
da vida, com muita fome,
pouco sábio mas… muito crente,
convicto, no que comia,
no que bebia… sentia,
no sonho de, quando dormia,
querer ser diferente,
alguém fora do vulgar,
superior, porque se sente,
refinado, distinto… formal,
quando ainda se não é gente!!!...

…fui criança, inocente,
simples amostra… de gente,
fui mais um…adolescente
que vai crescendo, se torna,
num momento, num repente,
num adulto que se adorna,
se transfigura, se mascara,
outra criatura, coisa rara,
com objectivos precisos,
ambições muito concretas,
com definição de juízos
para atingir suas metas!!!...

…fui criança…inocente,
simples amostra…de gente,
na casa, no carro, nas viagens,
em tantas…tantas imagens,
que me perpassam na mente,
como homem independente,
que quer gozar, usufruir,
tudo que a vida lhe oferece,
muito antes de se sentir
uma criatura que fenece,
um ser que quer partir,
porque, por enquanto, merece
viver, desfrutar, rir!!!...

…fui criança…inocente,
simples amostra…de gente,
num Mundo que não me escapa,
na vida que se prolonga,
nesta minha… nova etapa,
que se aproxima… se alonga,
na casa que fui compor,
em união… com amor!!!...

…fui criança…inocente,
simples amostra…de gente!!!...Sherpas

publicado por sherpas às 06:08
link do post | comentar | favorito
|
Quinta-feira, 11 de Novembro de 2004

...vai em verso ou...vai em prosa???...

…tal como no passado…a longo prazo, autêntico couto privado!!!... Não compreendo, nem, tão pouco…aceito!!!...


…vai em verso ou…vai em prosa,
tal a minha revolta,
tal o meu desconcerto,
bem tento…mas não aceito,
estou em…polvorosa,
enganado…contrafeito,
farto…mais que cheio,
com os prazos, médios… longos,
com mentiras… promessas,
quando nos tomam, por tontos,
com carradas de sequelas,
tantas e…tantas mazelas!!!...

…num descaro…total,
como quem não quer a coisa,
é um espanto…geral,
quando nos tentam levar,
quando partem…a loiça!!!...


…temos de… aguentar,
sem nos fazerem…calar,
a desconfiança, o descrédito,
não tendo…qualquer crédito,
num governo…com muito débito,
quanto a tudo…generalizo,
chocarreiro… sagaz,
digo tudo…invectivo,
enquanto for capaz,
tal como o poeta, de eleição,
em tempos mais recuados,
pedia…com sofreguidão,
ao engenho e…à arte,
ajuda… desses predicados,
como panaceia, ilusão,
noutros tempos…os de então!!!...

…num descaro…total,
como quem não quer a coisa,
é um espanto…geral,
quando nos tentam levar,
quando partem…a loiça!!!...


…regressão vertiginosa,
de engano em engano… nos induzem,
(…tentam…claro!!!...),
com verborreia enganosa,
esconder…o que não produzem,
quando tudo…está mais caro,
num desnorte alucinante,
tapando, prometendo, manipulando,
enquanto nos vão tramando,
numa incapacidade tremenda,
irresponsabilidade gritante,
com afronta, com contenda,
mal que…se não emenda!!!...

…num descaro…total,
como quem não quer a coisa,
é um espanto…geral,
quando nos tentam levar,
quando partem…a loiça!!!...


…lá para 2 006,
o mais tardar, se possível,
tudo resolvido, um contento,
nada de desemprego,
muito certo…bastante crível,
…lá para 2 006!!!...
…lá para 2 010 ou…2020,
obra pública, com fartura,
término da brutal agrura,
augúrios mais que risonhos,
deixaremos de estar…tristonhos,
…lá para 2 010 ou 2020!!!...

…vai em verso ou…vai em prosa,
recados…dos nossos fados,
à excelência que…nos goza,
deste bando de mandados,
uns…desempregados,
muitos…com fome,
quase todos…contristados,
gente que…pouco come,
…vai em verso ou…vai em prosa???...

…num descaro…total,
como quem não quer a coisa,
é um espanto…geral,
quando nos tentam levar,
quando partem…a loiça!!!...


…afanosos…os vejo,
nas suas vidinhas perfeitas,
dando a cara…espargindo promessa,
dizendo…desdizendo,
como excelsas…como eleitas,
sem eleições…é evidente,
como quem não sente…como quem mente,
num frenesim constante,
numa inépcia… revoltante!!!...
…lá para 2006, 2010…2020!!!...
…previsões, estudos, comparações,
…vai em verso ou…vai em prosa???...
tempo adequado…o das eleições,
publicidade…enganosa!!!...
…lá para 2006, 2010…2020???...

…não se vislumbram, sequer…
…quem os quer???...
Por mim, dispenso-os,
rejeito-os…ponho-os fora,
não antes, nem depois,
já…agora!!!...

…vai em verso ou…vai em prosa???...
Publicidade…enganosa!!!...Sherpas!!!...




publicado por sherpas às 06:48
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Quarta-feira, 10 de Novembro de 2004

...quando penso...no que vejo!!!...




…quando penso… no que vejo,
quando tenho esse ensejo,
contrafeito… me arrependo,
encolhido, com medo,
estarrecido…contristado,
guerra…por todo o lado,
ódios, raivas…matanças,
actuais…costumeiras,
completamente banais,
normais…tão rotineiras,
Mundo louco…empedernido!!!...
Pára!!!…Pensa um pouco!!!...
O caminho está invertido,
grito eu…quase rouco!!!...

…abusam da harmonia,
criam caos…destruição,
com…ou sem razão,
escombros, mortos… razia,
uns aplaudem…outros não!!!...

…a morte…como destino,
todos a temos…mais que certa,
mas, quando em desatino,
se organiza, se concerta,
não há favores… benesses,
que nos possam convencer,
medos, terrores, pavores,
recônditos…interesses,
vendo sofrer…morrer,
com carradas de…horrores,
por todas…as partes,
com vilanias... artes,
bélicas…bestiais,
em lutas…irracionais,
tantos seres como nós,
chorando, gritando, sem voz,
sua sorte…sua morte!!!...

…abusam da harmonia,
criam caos…destruição,
com…ou sem razão,
escombros, mortos… razia,
uns aplaudem…outros não!!!...


…descrédito…inédito,
maldição…arrependimento,
convulsão, lamento,
quando no auge…no périplo,
perversão, descontrole,
massacre…abate,
água dura…em pedra mole,
recalcamento, ajuste,
justo…embora mate,
injusto…quando destrói,
quando calca, quando chacina,
porque mói…porque dói,
quando penso…quando vejo,
tudo se me corrói,
se revolta… no interior,
no meio de tanta dor,
numa constante luta,
ganância…disputa,
sem justificação…maldição,
perversão,
…ou não???...

…Mundo louco…empedernido!!!...
Pára!!!... Pensa…um pouco…
grito eu…quase rouco!!!...

…abusam da harmonia,
criam caos…destruição,
com…ou sem razão,
escombros, mortos… razia,
uns aplaudem…outros não!!!...Sherpas!!!...




publicado por sherpas às 14:29
link do post | comentar | favorito
|
Terça-feira, 9 de Novembro de 2004

...versos e...poemas!!!...




…os versos, os poemas,
palavras que rimam, ou não,
com metáforas, com fonemas,
num entrecruzar, numa ilusão,
gritos raivosos,
lancinantes… dores,
gargalhadas, estertores,
deslumbres… vaidosos,
encantamentos…amores,
espargidos, com voragem,
num momento…sentimento,
descrevendo uma imagem,
um afago, um carinho,
aos berros ou... baixinho,
com meiguice,
ordenando, incitando,
como norma, como hino,
prosaicos, diversos, dispersos,
tanto faz,
para quem os traz!!!...

…dentro de nós,
desde tempos passados…dos avós,
continuam sendo poemas…simples versos,
palavras que brincam…rimam,
muito sérias, indecisas…concisas,
necessárias…precisas,
numa confusão aloucada,
para uns…nada,
para outros, um embalo, um afago,
quando musicados,
canções,
para os entes amados,
doces…ilusões,
farol da liberdade,
quando… revolucionários,
como o da vila morena,
terra da saudade,
grande, imenso… calvários,
promessa…serena,
duma vida…com verdade,
num instante…de libertação,
que se não alcança,
que…avança,
num poema, numa simples canção,
nuns versos,
simples…dispersos!!!...

…sucessão de imagens,
sons que se cruzam,
palavras, frases…paragens,
quando se escrevem…se usam,
a nosso jeito,
arrumadinhos,
com defeito,
tanto faz…
para quem os traz!!!... Sherpas!!!...

…como pedido de desculpa pelos meus arroubos poéticos…ou não, meu caro_____________!!!... Usei e…abusei do teu thread!!!... Um abraço!!!...




publicado por sherpas às 16:22
link do post | comentar | favorito
|

...que lhe havemos...de fazer???...




…os convencimentos…exacerbaram-se, transbordaram, simplesmente!!!... O sucessor sempre gostou de se promover a si próprio, de qualquer jeito e…maneira!!!... Aquando na autarquia de Lisboa, semeou por tudo quanto era sítio…cartazes de propaganda de obra por fazer, não feita!!!... Deixou o que deixou…as escavações do Marquês e…pouco mais fez!!!...

…agora, o nível elevou, tornou-se mais…abrangente!!!... Englobando o País, no seu todo, distribuindo cartas…aos portugueses, sobre as maravilhas do orçamento, vejam só!!!... O que podem fazer as eleições à porta, a instabilidade governamental, tem-te não caias, o alapamento ao Poder, mesmo…imerecido, não eleito, não votado, não sufragado, nas urnas!!!...

…ao que chegámos…tantas cartas, tantas mensagens, tantos dinheiros esbanjados!!!... Um único interesse…propaganda eleitoralista, meu ponto de vista, é evidente!!!... Terceiro mundistas, numa Europa a três ou a quatro velocidades, puras verdades!!!... Vamos regredindo…constrangidos e apenados, com os políticos que temos!!!... Erradas e…erráticas, pataratas!!!...

…tempos modernos, políticas do século XXI, fiéis discípulos do americano, numa de direita jactante e convencida, olhando por eles próprios, como estratégia fundamental, a perpetuação no Poder, de qualquer maneira…descurando o bem-estar das populações, indiferentes, outra gentes, destinadas, exclusivamente ao pagamento destas aberrações absurdas e sem sentido, com um único fito…o dito!!!...

…que vai falar, que vai dar a cara, que manda…cartas, que dá tudo e mais alguma coisa…sem dar, como nos vamos apercebendo, é um facto!!!... Ele é…assim, que lhe havemos de fazer???...Sherpas!!!...
publicado por sherpas às 15:21
link do post | comentar | favorito
|

...Portugal da guerra...com empresas de brincar!!!...




…um domingo para…esquecer!!!... Passou…mas, que deu trabalho, deu!!!... Irra!!!... A minha mulher é católica, apostólica romana…praticante!!!... Aos domingos vai à missa e, cabe-me a mim, como marido, cumprir todas as semanas…o santo ritual da entrada e da saída, quer dizer, transporto-a até à igreja, onde…com fé, porque a tem, não contesto, antes a invejo porque… acreditar daquela maneira, não é para qualquer um, entrego-a à oração, é evidente!!!... Pacientemente, sentado ou não…no carro, ouvindo, através da rádio, programas… os mais diversos, aguardo, pelo fim da dita, é evidente!!!... Respeitando, ela com a dela (…a fé!!!...) eu…sem ela!!!... Neste domingo deu-me para olhar para as rodas do automóvel e…para meu mal, vi que, algo não estava normal!!!... Um dos pneus…estava abolachado!!!... Calculei e…mangas arregaçadas, um ver se te avias e…ala, um tirar a roda, um colocar a suplente… um esforço, uma canseira mas, fez-se!!!... Lá estava, como eu desconfiava, numa ranhura da borracha, bem cravado…até ao fundo, um objecto metálico!!!... Quando… a minha mulher regressou da igreja…lá me encontrou, mais suado, com as mãos sujas, ofegante!!!... Enfim… percalços, como tantos!!!... Mais um!!!...

…porque domingo, dia diferente, uma pausa na rotina…com mais juízo, pela idade, pelas menos valências, uma passeata até ao Parque das Nações, em Lisboa, a moderna…a do século XXI, para ver o Tejo, esticar as pernas…apreciar o conhecido, espantarmo-nos com o crescido, em imobiliário, é evidente!!!... Uma loucura…suprema fartura mas, podem crer…não vou, por agora…falar das discrepâncias sociais existentes neste cantinho, já o fiz, bastas vezes e, em relação ao local, comparando…com outros menos dotados, abandonados!!!... Passemos adiante!!!... Lá estivemos, lanchámos, matámos o tempo, com proveito… e regressámos ao lar, por volta das 18 horas, mais coisa…menos coisa!!!...

…até aqui, sem problemas de maior, tirando o furo no pneu do carro, logo de manhã!!!... Em casa, já instalados, dispusemo-nos a ver um pouco de televisão, a consumível, com várias opções, numa das pagantes, as do cabo…fazendo Zapping, até encontrarmos algo de aproveitável!!!... Vai sendo difícil, tal a repetição…até à exaustão, mesmo pagando, claro!!!... Mas, para nosso espanto e…decepção, a emissão não estava normal, tudo engranitado, quase sem sinal, em todos os canais, sem excepção!!!... Intrigados, contactámos os serviços de apoio ao cliente…da empresa que nos serve!!!... Com muita música, enquanto aguardamos, com identificação do número de cliente…uma e outra vez, lá nos informaram que…o mal, não era deles!!!... Requisitámos os serviços técnicos!!!... Disseram-nos que teríamos de aguardar, pelo menos…quatro horas!!!... Olhámos para o relógio e concluímos que, lá para as 23 horas, nos prestariam tal serviço!!!...

…dispusemo-nos a tal e…o tempo foi passando!!!... Chegou a hora e…técnico (???...), nada!!!... Telefonámos, pedimos explicações, gritámos nossas revoltas e… lá nos disseram, com brandura, que até seria muito provável que o dito estivesse por perto, na minha rua, procurando a morada, quiçá!!!... Quase meia-noite e…outro telefonema, estranhando a ausência do…artista!!!... Mais aborrecidos, por causa do tempo, da espera, da noite que se ia alongando, disparatámos… por vezes, ficámos sabendo que, espanto meu, toda a conversa ficava gravada, não sei com que intenção!!!... Terei, futuramente…em casos destes, de fazer o mesmo, em relação a empresas, a serviços, a instituições, para me precaver, tal como eles, claro!!!... Enfim…lá me disseram que, a partir da meia-noite, nada feito!!!... Que ficava para o dia seguinte, pelas nove horas da manhã!!!...

…no outro dia, quando chegada a hora, para confirmar…telefonei para a empresa, para o serviço de apoio e…como um ritual, música à mistura, identificação, apresentação do problema, confirmação do referido!!!... Pergunto eu…para quê a gravação atrás mencionada se, pelos vistos, não serve de nada???... Depois de alguma espera…dispararam-me com esta:
- Pois, pelos serviços agendados…não nos é possível, só daqui por oito dias, para a próxima segunda-feira!!!... Fiquei pior que estragado, fui aos arames, passo a expressão…disse tudo o que me veio à cabeça!!!... Será com serviços destes, com empresas como esta, não a menciono…por decoro, por sigilo, por me terem resolvido o problema…mais tarde e de uma forma bizarra, é evidente, que o País vai para a frente???...

…tomei a atitude certa, quando não nos servem…tintim por tintim, com muita calma, elucidei-os que, logo a seguir, ia mudar, transferir-me para outra distribuidora de programas pagos, para uma concorrente!!!... Tal como o disse…pezinhos a caminho e lá fui!!!... Bem atendido, é sempre assim…ao princípio, sem excepção, papéis preenchidos, só faltava o cartão do contribuinte!!!... Que vinha a casa e já regressava, disse, sorriso com sorriso…numa boa!!!... Quando abri a porta de minha casa, deparei com a minha mulher ao telefone!!!... Pela conversa, deduzi ser da empresa que…pelo feito, tinha intenção de abandonar!!!...

…conversa feita…fui informado pela minha consorte que, afinal…o técnico, dentro de uma a duas horas, viria tratar do problema, clarificar a situação!!!... Pasmei…incrédulo!!!... Primeiro…longa espera, infrutífera, até à meia-noite…depois, promessa do dia seguinte, pelas nove horas, em vão… logo de seguida, disponibilidade só passados oito dias e, agora, dum momento para o outro, depois de inscrito na concorrência!!!... O Mundo é louco, o País é esquisito, as empresas abusam de quem…as mantém, os clientes, um horror!!!... Não há carácter, não há ética…a credibilidade é inexistente!!!... Passando por cima, depois de pensar…conclui que, quanto a mim, mais cómodo, evitava canseiras, papéis e…outras trapalhadas, continuaria na mesma, desistindo da que, já tinha assumido… fazendo figura de palhaço que…podem crer, não quadra comigo, muito me apena!!!...

…lá fui, contristado…explanei a situação, apresentei mil desculpas, esclareci!!!... Papéis sem efeito…tudo rasgado, como se nada!!!... Sorrisos para cá, sorrisos para lá, não faz mal, não tem importância…assunto arrumado!!!... É o País que temos…sem critérios plausíveis, credíveis!!!... O técnico veio, o problema foi sanado…coisa pouca, sem importância!!!... As palhaçadas, quanto a nós, a mim e a minha mulher, claro…foram muitas, as perdas de tempo, imensas…os passos perdidos, bastantes, o palavreado, desnecessário e…com tudo gravado!!!... Terei, mais tarde… de começar a fazer gravações destas situações, quando contacto com empresas, com serviços e com instituições!!!... Talvez valha a pena e…quem sabe se não será matéria para algum programa de televisão de apanhados, com som e tudo!!!... Há domingos levados da breca!!!... Irra!!!... Que País…o nosso!!!... É o que temos!!!... Sherpas!!!...
publicado por sherpas às 09:16
link do post | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 8 de Novembro de 2004

...sem pontas...sem partes!!!...




…sem pontas, sem partes,
confusão que nos arrepia,
coisas descontroladas, outras artes,
mentes fechadas, sem fantasia,
escritas, esquisitas,
imagens fugazes,
colocar num papel,
sem pontas, sem partes,
sentires rapaces,
atitudes perversas,
uma coisa qualquer,
com versos…o que se quer!!!...
O coração no-lo dita,
nos impele, nos empurra,
nossa dor…desdita,
de quem…não futura,
proclamar, bem alto,
peçonha que…calco,
gritando a revolta,
escrevendo o desencanto,
tentando… dar a volta,
mostrando…meu pranto!!!...

…sem pontas…sem partes,
como coisa tresmalhada,
incompleta, confusa,
temas, frases…trastes,
versos, poemas…tudo, nada,
mentiras…verdades,
panóplia demente,
sobre vidas, sobre gentes,
alma pejada…de quem sente,
ideias a monte…outras mentes!!!...

…perdido…me fico,
sem norte…com morte,
sem comida…com fome,
pensando no aviltamento,
na guerra, na pobreza,
no gesto, no acto…no momento,
quando escrevo…com presteza,
sem pontas… sem partes,
…outras…artes!!!...

…muita razão…meu amigo,
sem partes…sem pontas,
concordo…contigo,
quando me criticas…me apontas,
fazedor de obra pouca,
poema incompleto, repleto,
quase nada, coisa louca,
no seio dum Mundo… abjecto,
tristonho…medonho,
teu e…meu,
todo nosso…dividido,
tanto tu…como eu,
pequenas pontas…ínfimas partes,
nesta monstruosidade tamanha,
que se avulta, se imensa,
com dores, com mortes, com esgares,
numa guerra constante, com sanha,
quando se vê…quando se pensa!!!... Sherpas!!!...

publicado por sherpas às 17:26
link do post | comentar | favorito
|

...são palavras...simples!!!...




…são palavras simples, modestas,
tanto falam de mortes, como de festas,
alinham-se…concordando,
gemendo…chorando,
dando gritos…vivas,
quando cantam a alegria,
quando enaltecem…vidas,
quando apenam… comungando,
carpindo,
as dores, os sofrimentos,
doutros sítios…doutros momentos!!!...

…dão para rir, para cantar,
para rezar…para chorar,
consoante o sentir, na altura,
como coisa boa… pura,
alívio da alma, conforto,
sossego, encanto…encontro!!!...

…poemas, das horas tristes,
poemas, mais que alegres,
de acordo com o que viste,
conforme…o que tu sentes,
palavras que se alinham,
quando rimam…se apinham,
quando não…dão confusão,
provocam…discussão,
entre o criador,
não dono…não senhor,
simples escravo do que escreve,
como deve, como não,
levado pela…emoção,
num instante… tão fugaz,
das palavras, com que lavra,
essa rinha… que ele trava,
quando…sendo incapaz,
não sabe bem…o que faz!!!... Sherpas!!!...



…não sabe bem o que faz, nem tão pouco, como pensar…sobre quem o faz escrever, os que:

- …quando chegam a este ponto, ao da ebulição, ao do achincalhamento de adversários, ao chocarreiro, ao trauliteiro…mal vai a COISA, não dou nada por eles, é evidente!!!... Quando os argumentos não convencem, agarram na munição e…ala, com elas, para cima dos imbecis, quanto a eles!!!... Pobres coitados, bacocos… não se vislumbram!!!... Quantos maus exemplos, quantas tristes figuras, ridículas, caricatas, pataratas…por parte destes liberais de trazer por casa!!!... Ao que chegam, quando não nos convencem, quando não se enxergam, quando…não vendem o peixe, como pretendem!!!... Tentam impor, tentam minimizar…quando, pelos vistos, com atitudes destas, por efeito do ricochete, atingem-se a eles próprios, quedam mais débeis, senis, como apelidam terceiros, embora não admitam, sequer…estar nessa fase, eles próprios, é evidente!!!... Sinto-me, deveras…pesaroso e contristado, apenado!!!... Sherpas!!!...

publicado por sherpas às 17:25
link do post | comentar | favorito
|
Sexta-feira, 5 de Novembro de 2004

...sentires...melancólicos, como resposta!!!...




…olá ____________, muito prazer me dá a sua leitura, reconfortado me quedo com o seu pensar, irmanado no agir, no rebelar contra…o que nos rodeia, o que enxameia este Planeta, convertido, por enquanto, em covil de lobos e de abutres, com objectivos satânicos, insanos…tamanhos, despojados dos mais nobres e excelsos valores, os que nos diferenciam, os que nos elevam, os que…nos mostram, como devemos ser, solidários, contemporizadores, carinhosos e ternos para com todos, nossos irmãos, nesta aventura maravilhosa…a caminhada pela vida, com um respeito profundo pela casa que nos alberga…tão maltratada, ultimamente!!!...

…um País como o nosso, oitocentista, exemplo, em causas tão belas e elevadas, como o respeito pela vida, a hospitalidade, a humildade, a dignidade…a reboque de uma perversão, subserviente!!!... Pobre gente…tão mal dirigida está, pelo mais incapaz do seu Povo, uma série de pavões, iluminados pelo brilho enganador do dinheiro, pelos clarões da mortandade, pela sujeição ao mais baixo e vil!!!... Nunca, tal coisa…se viu!!!...

…Deus, embora não religioso praticante de qualquer religião, na sua forma mais abstracta e recôndita, decerto…irá emendar a mão, na altura mais indicada, creio!!!... O que nos é dado viver, todos os dias…com a conivência total de imbecis, não legítimos, quanto a mim, é um atentado grave e continuado, como escreve…contra o mais elementar dos direitos humanos!!!... Voltámos aos tempos da…barbárie!!!... Sinto-me, como não gostaria…mais do que enojado, contristado, ainda por cima, pela posição absurda e irracional, clubística, de alguns confrades deste Fórum!!!... São posições extremadas que…por mais que tente, não entendo!!!... Abraço do Sherpas!!!...
publicado por sherpas às 06:20
link do post | comentar | favorito
|
Quinta-feira, 4 de Novembro de 2004

...entre o tudo e...o nada!!!...




…entre o tudo e o nada,
há uma… imensidão,
tantos lagos, tantos mares, tantos rios,
tantas venturas, tantos vales verdejantes,
tantas alegrias, tantos sorrisos, tanta ilusão,
tantas dignidades, tantas verdades, tantos brios,
tantas montanhas, tantas neves, tantos gigantes,
pelo meio, dispersos…confusos,
tanta incúria, tanto laxismo,
tanta inépcia, tantos obtusos,
tantos anões, esquecidos, profundo abismo,
tanta e tanta perversão,
tanta prosmicuidade, tanta vaidade,
quanta e quanta corrupção,
carradas de inverdade,
riquezas… bem menores,
receios, medos que nos assustam,
taradices nojentas, incrédulas,
baixarias, vilanias que estrondam,
tal o barulho… o escândalo,
não avezinhas, libélulas,
castelos que se derrubam…arrombam,
quão temerosos, quando nos assombram,
pecaminosos, não aceites,
extractos baixos, altos…reles,
raivas, ódios…enfeites,
antítese do mel, ácidos como fel,
custosos de engolir, de ver,
desumanos, podem crer,
…uma imensidão,
quanta diversão, quanta indiferença,
perante o que se prostitui, o que se droga,
males que proliferam, avença,
conluio, segredo que se mantém,
negócio, interesse,
mordomia, benesse,
disparate, hipocrisia,
entre o tudo e…o nada,
abismo, precipício… bem profundo,
pequenas coisas, simples, insignificantes,
Judas Escariote, Tadeu …gritantes,
antípodas, opostos…aviltantes,
lagos, mares e rios,
montanhas, neve e…frios,
vales sombrios, verdejantes,
tanto agora…como dantes
entre o tudo e…o nada,
uma imensidão,
fantasia…pura ilusão!!!...Sherpas!!!...



publicado por sherpas às 21:22
link do post | comentar | favorito
|

...o medo vai...ter nada!!!...



…o medo vai ter nada,
quando descoberto, desmascarado,
como coisa qualquer,
em qualquer lado,
seja no homem ou… na mulher,
no artista de circo aprumado,
no político, mais que honrado,
na vida transparente, aberta,
quando grita, quando alerta,
ruas floridas, risonhas,
sem caretas, mais que bisonhas,
uma dançarina esbelta, bonita,
esguia, bela…que dança, que se agita,
ao sabor da dita, do vento,
doce, gratificante harmonia,
num sorriso… empatia,
numa coragem…valentia,
superando receios, fantasmas,
esgotos… qualquer porcaria,
vampiros, porcas almas,
conspurcadas pela raiva, pelo ódio,
pela ambição desmedida,
aviltamento, opróbrio,
causadores de muitos medos,
tirando a razão… ao prepotente,
irracional, puro demente,
os que calcam génios, artes, artistas,
nos palcos, nas cenas, nas pistas,
simples nódoas, arrivistas!!!...

…o medo vai ter nada,
quando o merceeiro, o carpinteiro,
o operário, o médico, a enfermeira,
o modelo, o futebolista, o pedreiro,
o professor, o escritor, a parteira,
em união, com razão,
pensarem com o coração,
nesta loucura que nos diminui,
dando honras e dinheiros,
ao que deles… usufrui,
o incompetente, puro indigente,
o irresponsável… como gente!!!...

…há que inverter a marcha,
há que afugentar esses medos,
há que apagar… com borracha,
ambições, avaros, pedras… penedos,
levantar bem alto, nossa revolta,
colocar de lado, à nossa volta,
todo o imprestável, o inútil,
o excesso, o fútil,
…o medo vai ter nada!!!...
certeza, afirmação, esperança,
vida nova…quando se alcança!!!...

…uns com tudo, outros…sem nada,
o medo vai ser nada,
seremos sociedade aberta,
justa, equilibrada,
numa humanidade que se concerta,
solidária,
num Mundo que se realiza,
doce melodia, suprema ária,
segundo o que vejo, quando se avalia,
com vontade exacerbada,
minha, de todos… os que a pretendem,
quando olham, choram e sentem,
os excluídos, os prostituídos,
os dependentes, os perseguidos!!!...

…o medo vai ser nada,
não contrariando o poeta,
sublime e digno profeta,
da escrita, sublime esteta,
entristecido, mais que convencido,
quando avalia…um Mundo vencido!!!...

…o medo vai ser nada,
quando os abutres rebentarem,
quando os excessos, acabarem,
quando…se vislumbrarem,
como coisa poucas,
escarros,
como coisas loucas,
espantalhos!!!...

o medo, numa sociedade equilibrada,
não vale…mesmo nada!!!... Sherpas!!!...

…com profundo respeito por Alexandre O´Neil, pela obra que nos legou, pelos momentos belos que…nos fez interiorizar!!!... Um abraço, meu caro…__________!!!...


publicado por sherpas às 10:17
link do post | comentar | favorito
|
Quarta-feira, 3 de Novembro de 2004

...indivíduo não vinculado...mais inclinado, para a esquerda, claro!!!...

…divergir, só por divergir, com o fim de discutir…só por discutir, não interessa, não leva a lado nenhum!!!... Demais sabe o ______________…ao que me refiro mas…como hábil no contra-senso, dá-lhe a volta, trazendo para a liça…pimenta e outros condimentos!!!... Mantenha lá o homem, tal como está, tal com tantos…morto, logo à nascença, claro!!!... Só se visualiza, como ministro, quando se vê ao espelho!!!... É um espanto, autêntico desmando, uma incúria…sem crédito!!!...

…quanto à liberdade de expressão, desde a marcelada na TVI, tanto esta, como qualquer uma das outras, não sei se já reparou…falam pianinho, mais baixinho, tal como os jornais, mais módicos, mais silenciosos…para não falar dos que calam, não piam, lá para as bandas governamentais, as tais…as que, por mim falo, não reconheço!!!... As leis…alteram-se, cozinham-se outras, desde que acobertadas por maiorias, defendendo interesses dos instalados, como temos visto…ultimamente, como quem mente, legalmente, é evidente!!!...

…se foi o que fiz, julgamento do Luís Delgado…não tem interesse, não faz mal!!!... Não gosto, por vezes… levado por influências negativas, é natural…cair no mesmo, julgando, tal como me julgam a mim!!!... É indiferente!!!...

…não, o Paulo Portas foi eleito por um naquinho de gente, penso que…cerca de 3 ou 4 por cento, quiçá menos, nas últimas sondagens!!!... Pelo tamanho, pela insignificância…não concebo a grande influência nesta salsada actual!!!... Ah!!!... É verdade!!!... Um velhinho, sem forças, um doente periclitante e fraco…sem bengala, cai!!!... Existe, por causa das quedas, pois então!!!...

…não sou porta-voz de ninguém, represento-me a mim próprio, como livre e independente!!!... Não sou escravo da Constituição, tal como os mandantes actuais…os que a querem alterar!!!... Como vê, os mais sagrados sacrários, desculpe a redundância, dependem de quem os fabrica, das pessoas!!!... Fazem-se e…desfazem-se, em qualquer democracia do Mundo!!!...

…já agora, aproveitando o recado e…a embalagem, quiçá…li por aí, não sei bem onde, confesso, que os líderes…não contam, quando certos e determinados esquerdóides apontam e escarnecem dos ditos, tais como…Portas, Bush, Blair, Berlusconi e quejandos, valendo, porque sim…as ideologias dos direitistas, os conteúdos, as linhas pragmáticas com que se cosem, afinal!!!... Quanto às direitas, embora as respeite…como qualquer força política, quanto a ideias, ou ideologias, tirando a negociata, a imposição, a incompreensão, os milhões, sintetizando… numa palavra, o doce e sublime capital, poucas mais lhes conheço, desconheço, em absoluto!!!... Duma maneira geral, são católicos praticantes, mandam umas bocas defendendo a vida, praticando a guerra, fazem uma caridadezinha, às pinguinhas e são uns fonas… com o dinheiro do Estado, como se fosse deles, do que dispõem…a seu belo prazer!!!...

…em parte, concordo…com esta maneira de ver a questão!!!... Em qualquer livro, o que conta é o conteúdo…não, a encadernação!!!... Em qualquer pintura, o que conta é a obra em si…não a moldura!!!... Qualquer pessoa, vale por si, pelo interior, quanto ao que pensa, quanto ao que realiza…independentemente do fatinho que enverga, da pose estudada, do cabelinho à maneira!!!... Tal como qualquer careca, aos que pertenço…pelos anos, não deve sentir-se minorizado pela falta do dito, face a um cabeludo qualquer, tal como a pintura, tal como o livro…sendo indivíduo, válido ou não, eis a questão!!!...

…convenhamos que, embora não conte, quanto a líderes, claro…voltando ao anterior, tem de admitir, meu caro que, ao darem a cara, ao se personalizarem pelos partidos, não o sendo…contribuem muito para os resultados finais, numa votação qualquer, desde que mostrem à sociedade, em termos de dignidade, de moral, de ética, de comportamentos, de competências e responsabilidades…se são exemplos, se podem ser considerados referências…ou não!!!... Acontece com as direitas…pode acontecer com…as esquerdas!!!... O ser humano é…esquisito!!!... Pontos de vista dum indivíduo…que se considera não vinculado a partidos, com umas inclinações para a esquerda, mais sensível, mais humana, é evidente!!!...Sherpas!!!...


publicado por sherpas às 15:04
link do post | comentar | favorito
|
Terça-feira, 2 de Novembro de 2004

...garrafas...meio cheias, meio vazias!!!...


…sobre a atitude do ministro, a propósito do Prof. Marcelo e do Expresso, a meu ver, embora tenha direito, como qualquer cidadão a opinar, como ministro e…para mais de assuntos parlamentares, deveria ter tido condimento na língua, no gesto e fez-lhe falta uma atitude, a demissão!!!... É a minha opinião, o meu ponto de vista…completamente divergente do seu…meu caro _____________!!!... Opiniões, cada um…com as suas, em liberdade, pura verdade!!!... A liberdade de expressão foi…coarctada, é um facto!!!...

…há muito boa gente que…não consegue engolir muitas arbitrariedades desta desgovernação total, pertenço a esse grupo, como isento que sou, tendo a mesma opinião dos que, inclusive, não o consideram, ao dito…como legítimo!!!... É a tal coisa da garrafa, para muitos…meio cheia, para outros tantos, meio vazia!!!...

…com a zanga das comadres, geralmente…descobrem-se as verdades!!!... Vamos ver no que dá!!!... O tempo…o dirá!!!... Se é Pães do Amaral, se foi Governo, se é Marcelo, se foi Moniz…neste País, o que se contradiz, a verdade não vem ao cimo, como o azeite, mantém-se bem no fundo, com carradas de pedras e cimento, com toneladas de chumbo, com raivas, com silêncios, tão ou mais pesados…do que o referido!!!...

…sobre o Luís Delgado, quem sou eu…para o julgar!!!... Com a mudança de governo, quando suceder, vamos ver qual será o seu percurso futuro, dentro dos órgãos de comunicação social!!!... Depois falamos, se cá estivermos… para assistir!!!...

…mastodônticas, repito…não me referindo ao Estado, antes gordo…agora, saqueado, esfomeado…um palito!!!... Mastodônticas… certas e determinadas empresas de comunicação social, certos bancos e seguradoras, citando estas, ficando-me por aqui!!!... Para fazer face à globalização???... Quiçá…com os enormes defeitos que ostenta, esquecendo o papel principal, quanto a mim…fundamental, a solidariedade, o ser humano, como pessoa, como indivíduo, como obra-prima, principal…um Deus, na Terra, afinal!!!... Guterres, no primeiro mandato, foi excelência, no segundo…estragou tudo, ou quase!!!... Mesmo assim, com limiano e tudo, sem maioria confortável, conseguiu reunir em torno dele…um leque ministerial, muito superior ao actual!!!... Pontos de vista, meu caro!!!...

…quando me refiro a ditadura da maioria, refiro-me a esta brutal…cozinhadela, logo após as eleições!!!... Os portugueses não elegeram o partido de Paulo Portas… nem lá próximo!!!... Muito menos, elegeram…esta trapalhada continuada, a que se mantém!!!... Por obra e graça da Constituição, sob o beneplácito de Sua Excelência, ao arrepio do Povo, decidiu, como decidiu!!!... Engraçado é reconhecer que…a partir desse facto consumado, as simpatias por Sampaio…derraparam, por aí abaixo!!!... COISAS…do arco-da-velha!!!... Garrafas meio cheias…segundo uns, meio vazias… consoante o pensar de outros tantos!!!... É o contraditório, base fundamental desta discussão, de todas…em qualquer democracia que se preze, cerceada…por alguns, manipulada…por outros, coisas poucas que…se não vislumbram, sequer!!!... Sherpas!!!...





publicado por sherpas às 14:45
link do post | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 1 de Novembro de 2004

...olhe que não...meu caro!!!...

…olhe que não, meu caro…olhe que não!!!... Não faço publicidade nenhuma ao PS, nem a outro qualquer…limito-me a desfazer na irresponsabilidade e na incapacidade dos que, por obra e acção do Espírito Santo…se converteram em governo, uma Amostra, por sinal!!!... Para mim, dá igual, ser rosa ou alaranjado, desde que competentes, com um pouquinho de dignidade, respeitando as normas mais vulgares da ética e da moral!!!... Quando o PS for Governo, se formos vivos e se…os ditos forem como estes, aqui me terá…na linha da frente, dizendo mal dos que, depois de eleitos, desde que incompetentes, contarão com a minha aversão!!!... Quanto aos extremados, o grupinho do Durão, do Portas, do Santana e…do Marcelo, basta ver os amigos com que se dão, a família a que pertencem, o que defendem o absurdo em que se transformaram!!!... São, pelos vistos, a linha mais à direita do P(SD) que pelos feitos, da sigla…já há muito, perdeu o social e o democrático!!!... Erros do passado, dos socialistas…foram mais que muitos mas, tal como o ditado sentencia, “águas passadas, não movem moinhos”!!!... A minha vida, a sua… a de todos os portugueses, actualmente, dependem… dos feitos ou, das asneiras, dos que estão!!!... As últimas têm sido…aos molhos, uma imensidão!!!... Esconder o sol com a peneira, por uma questão de clubite, desculpe que lhe diga… é tremenda parvoíce!!!... Esquerdas ou direitas, desde que condimentadas…competentes e responsáveis, para mim…tanto faz…é igual, não sou filiado em nenhum partido, sou independente…mais inclinado para a esquerda, confesso, admito!!!...PARA COMPARAR, reafirmo, já agora…gostaria de ver os socialistas…com maioria!!!... Nunca a tiveram!!!... Em contrapartida, o laranjal, só tem desgovernado deste modo, tem a grave responsabilidade de todos os desmandos cometidos no País, mais de dois terços de culpas no cartório, é um facto indesmentível!!!... Não se aborreça, meu caro, não lhe vou estragar a vidinha…sou pouca coisa, um simples escrevinhador que gosta de concretizar, por meio de palavras escritas…o que pensa!!!... Se não gostar…passe ao lado, tá bem???... Sherpas!!!...
publicado por sherpas às 07:03
link do post | comentar | favorito
|

.Sherpas

.pesquisar

 

.Junho 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30


.posts recentes

. ... os mal amados!!!...

. ... antes que... a vida, ...

. ... são... como as cereja...

. ... inclita geração!!!...

. ... guarda-chuva... color...

. ... acrimônia!!!...

. ... pedras com... regras...

. ... cliente!!!...

. ... o cavalo do... LEONAR...

. ... memorização!!!...

.arquivos

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Outubro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

. Março 2004

.favorito

. ... antes que... a vida, ...

.links

.as minhas fotos

blogs SAPO

.subscrever feeds