Terça-feira, 27 de Novembro de 2012

... preâmbulo de... sonhos meus!!!...

… esmerou-se o científico, apurou a investigação,

alterou comportamento,

fartou-se de proteger ricos, detestou tanta crueza,

guerras, desaforos, misérias, destruição,

 

 

pensou,

fez-se certeza,

 

doença que se arrasta,

que não cura, sempre mata, sofisticado armamento,

dedicou conhecimento,

inverteu caminhada, alterou procedimento,

 

causas superiores, VIDA, como objectivo,

felicidade, como futuro, COLECTIVO, como PODER,

viver, só para VIVER, adensou perfeição do SER,

foi mais além, protegeu, acautelou qualquer mal,

modificou arsenal,

 

bombas, feitios diversos, trastes que machucam,

arrasam,

carambolas, pelos ares, feitios complexos, habilidades mil,

tripulados, por tripular,

painéis, satélites em chusma, botões, cálculos eficazes,

não são aves, são rapaces, de tudo são capazes,

vigilância, mortandade, triste fim, realidade,

 

vítimas, corpos dispersos, casarios feitos em pó,

quanta tristeza, tão só,

 

pensou,

fez-se certeza,

 

como alquimista passado, tão fechado,

cavernosa escuridão, afastado

de gentes, deste MUNDO, isolado,

introversão abismal, investigou,

bem a fundo,

solução, ponto final,

 

EUREKA, jorrou tanta luz, fecha janela,

congemina,

ainda assim se não perca

o que inventou, produz,

maravilha,

 

quanta beleza, pó milagroso, cautelas,

doce recanto,

redil, conforto, doce regaço

no que fez, no que faço,

 

labiríntica parafernália, objectos estranhos aos montes,

alquimia revolucionária, novos destinos, outras pontes,

sonhos, magias, despontes,

florires com que irrompes, porvires, outros horizontes,

 

pensou,

fez-se certeza,

 

VIDA nova, sem crueza, sorriso alargado, esperança UNIVERSAL,

quando espalhado,

disperso, pondo fim a tanto mal,

 

gigantesco funil, sideral,

partículas ínfimas, milagrosas,

tão eficazes, portentosas,

aspiradas por todos os SERES,

com, sem haveres,

 

espargidas sobre trastes, sobre tretas,

sobre sofisticadas maquinetas,

ligeiras, pesadas, funcionais,

até ao momento,

bombinhas, bombas, projecteis, artefactos de mal fazer,

maleitas de todos os géneros, defeitos aberrantes,

sonantes,

 

imbecis, loucos, gigantes, dotados, dejectos,

afoitos, afeitos, afectos, fins absurdos, projectos,

monumental discernimento, alteração do existente,

seja matéria, bicho ou gente,

 

admirável MUNDO NOVO, alquimia de sucesso,

investigou a preceito, outro processo,

terminou tanta crueza,

sempre s´alcança, quando vontade é imensa,

 

quase carnavalesca, ridente papel colorido,

confettis, pelo espectáculo, pela beleza,

quantidade impressionante, quase dantesca,

quando acontecido, ribombar de festa,

atesta,

quando BOMBA deflagra,

 

papeleta que sobressai,

bala não sai

quando prime gatilho, artefacto que se reinventa,

intenta,

ruído, tão de mansinho, surge palavra BANG,

 

milagrosa, esverdeada poalha

que se espalha,

disseminada na atmosfera, tudo altera, tudo muda,

torna macabro numa festa, amansa  lobo, domestica fera,

castiga gentalha mentirosa que, por muito que tente,

não consegue,

contém ganância desmedida,

equilibra toda, qualquer vida,

 

pensou,

fez-se certeza,

 

silos secretos, locais desertos,

códigos protegidos, sem vencedores nem vencidos,

tragédias, cataclismos,

de neutrões, quantos e quantos milhões,

 

morte de tantas mortes, horrendas, medonhas,

terríveis radiações, forças incríveis, potências,

valias, excrescências,

razias, magmas incandescentes, infernos na TERRA,

final da GUERRA,

 

decadentes, temeroso momento,

cautela

de quem conhece, fala dela,

receia,

 

pensou,

fez-se certeza,

 

partículas eficazes, infiltração nos corpos, nas mentes,

na matéria maléfica, posse de VORAZES,

escaqueira protecção, conteúdo,

dilui-se TUDO,

infiltra-se no chão, doce torrão,

vai ao âmago, junta bem, no cerne,

desce ao fundo, desce ao CENTRO,

junta-se à origem, ascende,

como dádiva, oferta, remanesce,

 

bem distribuída, por toda a TERRA, influencia, rejuvenesce,

dá proveito,

alimenta faminto, retempera

tanta alegria, como se espera,

 

sem morte, sem BOMBA, outra sorte que não ribomba,

sem medo, sem dor, sofrimento,

dum sábio, cientista BOM, sem prémio, pó milagroso,

energia pura, grande CURA,

novo MUNDO,

 

pensou,

fez-se certeza,

 

VIDA, esperança sentida,

esmerou-se o científico,

apurou-se na investigação,

alterou comportamento, 

fartou-se de proteger o RICO,

 

detestou tanta crueza,

guerras, desaforos,

maldição,misérias, destruição???... Sherpas!!!...

 

{#emotions_dlg.confused}{#emotions_dlg.sad}{#emotions_dlg.smile}

 

 

publicado por sherpas às 12:44
link do post | comentar | favorito
|
Domingo, 18 de Novembro de 2012

... tempestades!!!...

… como opção, irmão contra irmão,

costas voltadas,

raças e credos, adversários,

ódios que destilam gotas de horror,

sons de pavor,

faces cerradas, punhos escondidos,

perseguidos,

expulsos da terra, no seio da guerra,

cenas tão tristes,

 

aventado contra parede contrária,

fúria inaudita, ninguém acredita,

janela esfanicada, vidros partidos,

uivos possantes, outra causa,

interrupção,

novíssima pausa,

furacão,

 

televisão, janela abjecta,

indiscreta,

notícia, na certa, mais nos enoja,

derruba, arroja,

deambula por grandes infernos,

quereres eternos,

ganância imensa,

castigo, sentença,

 

natureza imprevista, só vendo,

ao longe se avista tromba no mar,

envolvência tão grande, de espantar,

ruídos diversos,

telhas dos prédios, paredes no chão,

 

díspares, antípodas,

casas pelos ares, ruínas, pedaços,

corpos chagados,

poderio dum povo, nada de novo,

continuidade,

perto dum muro,

não rezo, abjuro,

confesso,

 

árvores partidas, choros e gritos,

tresvarios,

na minha rua, na minha aldeia,

tão triste, tão feia,

destruição...

por outra razão,

 

extracto, carne da minha carne,

mente inocente, sangrenta visão,

aberração,

 

estrondeia tumulto,

estrago de vulto,

chagas, feridas,

paradas no tempo,

bomba que estilhaça, vidas perdidas,

 

aqui ao lado, tão nobres, convictos,

cimeiras ou ritos,

salamaleques com queques,

passadeiras espampanantes,

refeições produzidas, empertigados,

servidos...

criados,

 

quando ela passa, fumega, ainda,

labora desgraça, escombros aos montes,

origem nas fontes,

 

avoluma, palavreado semeado,

por pequenos nadas,

acontecimento de momento,

nas revistas, quase todas,

jornais que afundam, sem rumo,

indefinido,

amargo sentido,

 

bonançoso provir, tempestade num POVO,

nada de novo,

entrelaço, resguardo,

barreira de coral, medusas coloridas,

peixes palhaços, pequeníssimas vidas,

 

servindo modernos acéfalos,

grandiosos no que juntam,

acumulam,

destinam, outros locais, sem Pátria...

capitais,

 

pedras pelos ares, atitude pensada,

cara tapada,

razão obscura, nega equilíbrio,

sociedade que se não gosta...

desgosta,

 

polinésicos presentes, parados,

ilíacos,

recantos, PARAÍSOS, armadilhas estudadas,

hipocrisia profunda,

PAÍS que s´afunda,

coisinhas, tão NADAS, lustrosas casacas,

mancos, senis,

disco de vinil, já gasto...

servis,

 

pavio,

trémula chama que s´apaga, enquanto rapa,

enquanto saca,

 

promiscuidade que farta,

num crime previsto, encenado,

detestado,

 

juntinhos, tão perto,

distantes contactos, já visto, parados,

mortos, espaçados,

com porras, escudos, capacetes na tola,

com pedras na mão

estragando...

manifestação,

 

táctica que s´usa, não cola,

disfarça,

e… a coisa passa,

 

pede-se esmola, casa destruída,

árvore desgarrada, tempestade de vulto,

injunção de culto,

 

encontro tão bom, com bomba que mata,

criança que morre, velhinho com fome,

assim faço...

entrelaço,

 

violência monstruosa, natural,

humanidade irracional, estribeiras perdidas,

amarfanha vidas,

 

massacra, com dolo,

com teima, escaramuça que avulta,

grupos indistintos,

razão sem razão, instintos,

herança longínqua,

gene tremendo,

profícua,

intento, pena que sinto!!!... Sherpas!!!...

 

{#emotions_dlg.confused}{#emotions_dlg.mad}{#emotions_dlg.sad}

 

publicado por sherpas às 20:13
link do post | comentar | favorito
|
Quinta-feira, 8 de Novembro de 2012

... ratos e... ratões!!!!

... por  vezes me desiludo

quando, me introverto neste MUNDO,

quando repasso notícias,

leio pensamentos alheios,

mui normais, mui loucos,

tão vulgares, como eu,

uns que se julgam muito,

outros que considero tão “poucos”

 

quando, com polimento desnecessário,

fogem ao óbvio,

evidente,

criticam atitudes normais,

palavras tão abissais,

indevidas,

não ajustadas,

que estilam ódio,

quando pronunciadas,

gritadas,

 

inconformismo de quem sente,

reduzidos no que lhes pertence,

regras com que contavam,

acordo, numa sociedade decente,

livro sagrado que rege,

todos iguala,

iguaria

em qualquer DEMOCRACIA,

 

desde que, a verdade conduza,

não excite,

não produza,

desconfortos, afrontamento,

situações, dado momento,

num POVO,

aglomerado,

NAÇÃO, grande bocado,

 

harmonia que conforta,

dignidade que se não fere,

respeito,

como objectivo,

não sendo, não diminuindo,

justiça que enobrece,

promessa que se não esquece,

 

inverdade que avulta

em mentira se transforma,

logro que desconforta,

desgasta,

tanto importa,

 

reduz futuro promissor,

causa dano inoportuno,

repudio pelos que estão,

aproveitamento,

sevandija ou sacripanta,

por dinheiro,

posição,

 

deixando de ser senhor,

gatuno, não deixa de ser ladrão,

coisa que não me espanta,

 

passando

a essa condição,

quando gritado, com raiva,

um gatuno,

palavra tão normal,

quando se grita,

desviante sem moral,

tão igual,

tão vulgar,

tão normal,

 

gentinha tão pueril

que desgosta,

quando escreve,

pena pesada,

não tão leve,

 

arcaboiço incomensurável,

crítico de multidão que vocifera,

quando grita,

quando berra,

 

apelidando bois pelos nomes,

garrafais, sem pronomes,

papelão que ostenta,

mostra,

desviante que se não conforma,

legenda isolada que fere,

quando aponta,

quando refere,

 

foi roubado,

sem cuidado,

tão desprevenido,

coitado,

 

movimentação,

emoção,

gatuno inoportuno

que não respeita qualquer norma,

assim o caldo se entorna,

 

dependente de quem enriquece,

arguto, quando contraria,

repudia,

sofisma com que abafa,

disfarça,

quase paradoxo,

nuvem densa,

quando não pensa,

 

calamidade que

provoca dor, quanta fome,

barbaridade tremenda,

horrenda,

enorme,

feito de ratos, de ratões,

negando

míseros tostões,

acaudalando

carradas de milhões,

 

oportunos

GATUNOS ou LADRÕES!!!... Sherpas!!!...


{#emotions_dlg.confused}{#emotions_dlg.mad}{#emotions_dlg.sad}

publicado por sherpas às 07:02
link do post | comentar | favorito
|

.Sherpas

.pesquisar

 

.Junho 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30


.posts recentes

. ... os mal amados!!!...

. ... antes que... a vida, ...

. ... são... como as cereja...

. ... inclita geração!!!...

. ... guarda-chuva... color...

. ... acrimônia!!!...

. ... pedras com... regras...

. ... cliente!!!...

. ... o cavalo do... LEONAR...

. ... memorização!!!...

.arquivos

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Outubro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

. Março 2004

.favorito

. ... antes que... a vida, ...

.links

.as minhas fotos

blogs SAPO

.subscrever feeds