Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Sherpasmania

... albergue de poemas, poesias e... outras manias, bem sentidas, por sinal!!!...

Sherpasmania

... albergue de poemas, poesias e... outras manias, bem sentidas, por sinal!!!...

30
Jun04

...foi...puro acaso, simplesmente!!!...

sherpas
…o Poder!!!...Ah, o Poder!!!...Exclamava ele, com a boca escancarada, com os olhos esbugalhados…completamente transfigurado!!!...Há pessoas assim e…muito mais, por causas relacionadas com milhões, dinheiros aos montões, pelo Poder, tão frágil, tão fugaz, ilusório, como se nada…de tudo são capazes!!!...


…foi, por acaso, podem crer… aliás, tudo quanto escrevo é, por vontade própria, puro realismo, acasos do dia-a-dia, coisas que se passam comigo!!!...Nestas escrevinhadelas, claro!!!...Nas poesias de brincar, as minhas, é diferente, são momentos de introspecção, interioridades, pouco profundas, um querer brincar com…as palavras, versejando, a meu jeito, pois então…sem pretensões, como em tudo!!!...Sou assim!!!...

…tinha ido às compras ao super-mercado, actividade que faço, com frequência e…parece mentira, nem a propósito, também comprei o leite, o tal!!!...Quando me dirigi para a Caixa, para efectuar o pagamento, logo a seguir a um indivíduo, para a minha idade, mais ou menos…a propósito dumas palavras, dele, em voz alta, fiz o meu comentário, desatou-se-me a língua, como se nada, naturalmente!!!...Veio à superfície a minha faceta de provinciano, alentejano puro, fechado, de início…um fala-barato, depois, aberto, sem peias…com o coração na ponta da língua, com franqueza total, por vezes, para meu mal… porque me prejudico!!!...

…palavra puxa palavra, a conversa gerou-se, alongou-se, tornou-se acesa, interessante!!!...Com os sacos das compras nas mãos, tanto ele, como eu…lá fomos, depois de termos pago, ao longo das lojinhas, já fora da superfície comercial!!!...Parando aqui, parando acolá, abrimo-nos, os dois, como se nos conhecêssemos, desde há muito!!!...E, não sei se por influência, da crise, das trapalhadas, das molhadas dos políticos, a conversa virou para aí, simplesmente!!!...Foi então que, com todas as letras, com todas as verdades, de que foi capaz, o meu interlocutor se abriu e…me confessou que, tal como eu, era reformado, que conhecia os políticos, bastante bem, por sinal, pela profissão que desempenhou, aquando no activo, de todos os quadrantes, que ficou farto deles, que bastante lhes aturou!!!...De todos os quadrantes, não tinha saudades de nenhum, não nutria consideração, senão por dois, mais humanos, homens direitos, simples, a preceito, não ofuscados pela posição, a de momento!!!...

…tinha sido segurança, guarda-costas, tanto cá, como no estrangeiro, tinha-os acompanhado, em hotéis de classe superior, em automóveis, em aviões, tinha-lhes aguentado as suas manias e alguns…valha-me Deus, dizia ele, metiam nojo, pelas manias, pelas superioridades, pelos medos, mais que muitos!!!...Agora, àqueles dois, devo-lhes muito, pelo trato, pela deferência, pela educação, pela maneira respeitosa com que me tratavam!!!...Um foi, no passado, oficial superior, Presidente da República e, tal como ele, a senhora…uma simpatia!!!...Confesso que, quando ouvi o nome da excelência não me espantei, admiti que sim, embora não fosse, na altura, muito do meu gosto!!!...O outro, boçal, franco, aberto, ministro competente, de várias pastas, honesto…sem peneiras, puro!!!...Um amigo, me dizia!!!...Como, em tempos tive o gosto de o cumprimentar, pessoalmente, num encontro casual, quando fazia, como eu…compras, tal cidadão normal, vulgar, tive de concordar, inteiramente!!!...Deste último, tenho a mesma impressão!!!...

…não cito nomes, seria incorrecto, da minha parte, vulgarizar uma conversa dum ex-segurança pessoal, guarda-costas reformado, farto dos políticos eleitos, dos que, quando no Poder, se transformam, se deslumbram, se tornam insuportáveis, no trato com os anónimos, deste Povo, que os servem, por vezes, quase sempre, como empregados chegados, como eleitores, como cidadãos, numa democracia qualquer, a quem não respeitam, machucam, desprezam, como se nada!!!...Ouvi outros nomes sonantes, ainda na berra, ainda no alto, fiquei mais esclarecido, mais convencido que, ainda há bacocos aos montões em lugares que…pelos defeitos, pelos feitos, não merecem ocupar!!!...Podem crer, afirmo-o mais uma vez, o que lhes relatei…aconteceu, foi um facto, não é treta!!!...Abraço do Sherpas!!!...

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Arquivo

    1. 2021
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2008
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2007
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2006
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2005
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2004
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D

Em destaque no SAPO Blogs
pub