Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Sherpasmania

... albergue de poemas, poesias e... outras manias, bem sentidas, por sinal!!!...

Sherpasmania

... albergue de poemas, poesias e... outras manias, bem sentidas, por sinal!!!...

10
Dez04

...matança...do porco!!!...

sherpas
…matança do porco, no Alentejo… quando era pequeno!!!...


…quando pequeno, por esta altura,
um pouco mais tarde, em Fevereiro,
no Alentejo da minha amargura,
terra da minha alma, por inteiro,
quantas vezes assisti,
quantas vezes, me emocionei,
quando via, o que vi,
como tradição…não sei,
como ritual…talvez,
por necessidade, pura verdade,
o que se fazia, o que se faz, o que se fez,
a matança do porco,
um quadro, pura realidade,
uma… outra vez!!!...

…quando crescido, bem gordo,
os guinchos que o bicho dava,
quando arrastado,
colocado em cima da banca,
bem seguro, amarrado,
perante murmúrios dos presentes,
ajudando, afastados…a um lado,
olhando, assistindo…inocentes,
pouco crescidos… alguns adultos, gentes,
com o artista principal, o carniceiro…o matador,
de facas bem afiadas, sibilantes,
aguçadas, desafiantes,
que… com passos firmes, seguros,
maxilares cerrados, olhos duros,
no sítio certo, na jugular,
enterrava, até ao fundo,
com intenção de matar,
de tirar deste mundo,
o pobre do javardo, imóvel,
guinchando, estremecendo,
dispensa do ano inteiro,
carnes fartas, abundantes,
destino predestinado…cruel,
enquanto foi…crescendo,
tanto agora…como dantes!!!...

…já morto, extinto…sem alento,
fogueira de tojos, preparada,
pele limpa, a preceito… chamuscada,
odores que se espalham… nos ares,
mulheres atarefadas…com esgares,
alguidares plenos, avermelhados,
sangues que se misturam… agitam,
movimentos repetidos… lentos,
chusma de homens arregaçados,
que levantam o bicho morto, enorme,
pés bem assentes, arrastados,
esforço, fúria, canseira… fome,
trave que se limpa… prepara,
corda que se amarra,
garrafão de vinho que se abre,
copos que se enchem,
que se passam de mão em mão,
porco morto…pendurado,
de cabeça…para o chão,
animal desmanchado,
aos poucos, por sabedores,
perante olhos escancarados,
de pequenos observadores,
espantados…mais que pasmados,
contristados!!!...

…quando pequeno, por esta altura,
mais tarde, talvez em Fevereiro,
numa matança qualquer, cruel… dura,
do bácoro, tradição, ritual… useiro,
depois, no momento… ali, no local,
orelha que se assa, febra que se esturrica,
cachola que se degusta, sangue do animal,
vinho que se entorna, que se beberica,
carne que se come… que mata a fome,
que se desmancha… se separa,
se condimenta,
se enche… se prepara,
se arrecada, depois de salgada,
numa azáfama,
num fumeiro… na profunda chaminé,
dum animal que…já foi, pois é,
sustento do ano, dispensa, arrecadação,
final, sustento…alimentação,
aqui… agora, tal como dantes,
nesta minha região,
quando pequeno, por esta altura,
mais tarde, quiçá… em Fevereiro!!!... Sherpas!!!...




10
Dez04

...resposta a... um fórista!!!...

sherpas



…meu caro, sem assanhamentos, não é o meu jeito, com respeito… porque sempre assim foi o meu proceder, desde que me conheço, nestas andanças, por aqui, pelos fóruns, escrevendo e pensando, sobre o que vejo, sobre o que oiço, sobre o que leio…mais inclinado para o lado esquerdo, admito, nunca o escondi porque…mais solidários, assim penso, completamente liberto, sem estar preso a partidos!!!... Se, por acaso me identifico com os bloquistas, registo…partido político, como outro qualquer, que respeito, tanto à esquerda, como à direita, o mal é deles porque, sendo mais velho…são eles que se identificam comigo, é evidente!!!... Reafirmo a minha total independência em relação a partidos políticos, sou um livre-pensador, como dizia o outro!!!...

…vou escrevendo sobre as excelências, as que se arvoram, as que se não vislumbram, por vezes… pensando no meu País, nos meus conterrâneos, como mais um, anónimo, vulgar…tal e qual, sem mais!!!... Vazias, ocas e demagógicas…palavras que caem, que nem uma luva, sobre as últimas afirmações destas gentes, as que fazem parte das maiorias parlamentares e governativas, actuais!!!...

…sobre guerras e guerreiros tenho escrito, vou escrevendo e… é verdade, tudo o que com esse assunto se relaciona me transtorna, são coisas que abomino!!!... Tal como escrevi, da primeira vez que me abordou…repito, andamos em guerras que não são as nossas!!!... Claro que há compromissos, há alianças, há tomadas de posição, quanto a mim, por mim penso…arbitrárias, tomadas contra a vontade popular, de todo um País, mais de setenta por cento foram e são contra a guerra!!!... Bastaram-nos treze anos de guerras do Ultramar!!!... Passei por lá, em tempos!!!...

…há outras guerras, aqui ao lado, aqui à porta, a cada canto… onde os dinheiros dispendidos, profundos disparates…seriam muito mais bem entregues!!!... Para quê repeti-lo???... Não vale a pena!!!... Ah!!!... É verdade!!!... O facto de me identificar com um partido político combativo, como o Bloco… embora não sendo, não deixa de ser uma honra, com esse, com outro qualquer!!!... Respeito-os a todos, na essência… não me vinculo a nenhum, prezo muito a minha independência, no falar, no escrever… no agir!!!... Abraços do Sherpas!!!...

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Arquivo

    1. 2021
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2008
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2007
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2006
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2005
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2004
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D

Em destaque no SAPO Blogs
pub