Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Sherpasmania

... albergue de poemas, poesias e... outras manias, bem sentidas, por sinal!!!...

Sherpasmania

... albergue de poemas, poesias e... outras manias, bem sentidas, por sinal!!!...

28
Jan05

...conjecturas minhas... meu caro!!!...

sherpas
…a leitura nunca fez mal a ninguém, sempre foi uma maneira de adquirirmos novos conhecimentos, de nos aperfeiçoarmos, de nos armadilharmos contra tudo e contra todos, de nos distrairmos, de sentirmos prazer inefável, diferente, supremo, de encararmos o que nos rodeia, com outros olhos, mais perspicazes, mais vorazes, mais sedentos, porque, quanto mais temos, através da leitura, mais e mais pretendemos, nunca nos satisfazemos!!!...
…agora, com a minha idade, pouco vou lendo mas, mantenho uma certa disciplina intelectual, lendo menos, lendo a qualidade, lendo o que me interessa, mantendo-me activo, como vivo, como sedento, como participe desta maravilhosa aventura…a da leitura!!!...
…em tempos, quando mais novo, pleno de ilusões, em busca de respostas a perguntas que me fazia, tudo lia, sem discriminar, fosse o que fosse!!!...Muito mais teria lido se não tivesse vivido numa época de obscurantismo, no tempo do Marcelo e do Salazar, os da censura prévia, os da proibição total!!!...
…quando olho para trás, quanta pena sinto, verdade, porque não minto…de relembrar as bibliotecas que rebusquei, com muitos volumes mas, incompletos, com muitos espaços, mais que vazios, dos livros da minha ambição, dos que se não viam, dos que se não liam, dos que se não comentavam…eram, estavam proibidos, tal como outras COISAS mais!!!...
…ainda há quem nos queira fazer regredir e, pelo que vejo, pelo que sinto, aos poucos, vamo-nos esquecendo, vamo-nos acomodando, vamo-nos alheando…do fundamental, da leitura, da boa leitura, em prosa, ou poesia!!!...Os culpados desta profunda apatia, deste descalabro intelectual, são monstros, piores do que assassinos, são os que nos matam o pensamento, nos igualam a um jumento, nos imbecilizam, nos reduzem, nos diminuem!!!...
…cursos superiores, sem bases variadas, sem cultura geral, não passam daquilo que são, ferramentas, para determinada função!!!...Quão triste me ponho quando licenciado, de qualquer licenciatura, mostra desconhecimento, apresenta ignorância perante perguntas corriqueiras, de ordem geral, de qualquer sector, de qualquer ofício ou arte, por não ler, um simples jornal, por não se dedicar, parcialmente, a esse vício nobre e salutar…a leitura, como prazer, como aventura!!!...
…ler, faz-nos subir, faz-nos elevar, faz-nos ir aos céus, faz-nos melhores, faz-nos completos, faz-nos possuir mais afectos, faz-nos despertar todos os sentidos, faz-nos ser mais ligeiros, mais vivos, faz-nos pensar, faz-nos escrever as nossas emoções, faz-nos sentir tantas sensações, ser diferentes, dos que não lêem, dos que se quedam pelo simples, pelo vulgar, pelo aparente, a outra gente, a que não precisa, segundo pensam e acreditam…pobres, coitados, os iletrados, analfabetos, licenciados, com cursos superiores, muitos doutores!!!...Há excepções, claro, como em tudo na vida!!!...
…enfim, verdade seja dita que, no meio dos que gostam de ler, por vezes, encontramos os que se preocupam somente de determinados assuntos, de certas matérias, técnicas ou quejandas, as que lhes dizem respeito, as que lhes dão dinheiro!!!...São pobres de espírito, não gostam de sonhar, não apreciam brincar com as letras, com as palavras, de as sentir, no mais belo que elas possuem, o dom de fazerem chorar, de fazerem sofrer, de fazerem rir, de fazerem pensar!!!...
…a leitura, ah, a leitura, meus amigos, quanta ilusão, no tempo da proibição, o que me ofereceu, quanto sonho me proporcionou, quanta gargalhada proferi, só, como um tonto, com um livro na mão, quanta aventura, quanta emoção, quanta mais não teria, se tivesse…os livros da minha ambição, no tempo próprio, quando mais novo, ilusionado!!!...Mas, quem sou eu???...Um abraço do Sherpas!!!...

28
Jan05

...gostei...do que li!!!...

sherpas



…gostei do que li________, relembrei factos horrendos do passado, do presente, ainda há pouco, uma fartura, por todo o lado!!!... O Mundo não aprendeu, ainda proliferam muitos Sinistros por aí, encapotados… está bom de ver!!!... Numa coisa discordo, quando escreve e… passo a citar:

-E acabemos com a mania dos bodes expiatórios; deixemos de acusar uns e outros como na Idade Média se acusavam as bruxas. Quando chove é por causa do efeito de estufa e a terra aquece; quando faz frio e não chove também é por causa do mesmo efeito, das indústrias e dos automóveis e dos malandros que os guiam.

…quando se acusa, não de modo simplista, antes… com razão, é porque se sente na pele, incluo-me também, os efeitos negativos de políticas erradas e erráticas, cometidas por gentes eleitas que prometeram, que esqueceram, que se não responsabilizaram, incompetentes e incapazes, vorazes nas suas vaidadezinhas bacocas, imbecis, tratando-nos como tontos!!!... Não acuso, sem razão alguma, antes pelo contrário!!!... Não me arrumo ao termo simplista, nem um pouco, sequer!!!... Continuarei como sempre fui, sem ser caçador de bruxas, na Idade Média, nem caçador de comunistas, em tempos… lá pelos States!!!...

…quero acreditar… no que me prometem!!!... As guerras, para mim, tanto a do Sinistro, como as que se prolongaram, as que ainda existem… são, no concreto, bestialidades, indignas, impróprias, com barbaridades inenarráveis, por mais que se tente descrevê-las, mostrá-las!!!... Com o seu escrito, cometeu uma boa prestação!!!... Aplaudo-o!!!...

…daqui para o futuro… gostaria que a impunidade fosse coisa morta, que a responsabilidade, deixasse de ser palavra vã, que a competência fosse excelência, que a corrupção… se enterrasse de vez!!!... Continhas claras, bons exemplos, Estado sério, serviço público completo, nada de enganos!!!... Os simplistas, nos que não me incluo… surgem quando vamos verificando certas coisas esquisitas e diferentes daquilo que nos mostraram, ao princípio, em altura de convencimentos, pode crer!!!... Para que os simplistas se extingam, por eles próprios… políticas de verdade, contas claras e… feitos!!!... Não foram só os simplistas que deram origem ao Sinistro, aos Sinistros que, para nosso mal… ainda existem!!!... Pense no que lhe escrevo, é sentido, vem de dentro!!!... Quero o equilíbrio na sociedade a que… me honro, de pertencer!!!... Pode crer!!!... Exigir e denunciar não é atitude simplista, quanto a mim, é o direito que todos temos, numa democracia qualquer, séria e digna, claro!!!... Abraços do Sherpas!!!...
28
Jan05

... a leitura é... fundamental!!!...

sherpas

…a leitura é fundamental!!!...Desde que tenhamos quem nos consiga, por ela, despertar o gosto, é das fases mais gratificantes no harmonioso desenvolver do nosso ser…há alturas que, por mais que queiramos, não conseguimos apartar da nossa companhia, um livro, um bom livro…fases na vida de qualquer um a quem proporcionaram essa habilidade, a da leitura!!!...

…depois de adquirida é tudo uma questão de a saber canalizar no sentido correcto, no bom caminho… bem vistas as coisas, desde que tenhamos o vício, o da leitura, tudo o que nos apareça pela frente é devorado com voracidade, independentemente de clássicos ou não clássicos, nacionais ou estrangeiros!!!..

…quando mais novo, muito antes das novas tecnologias, nos tempos da rádio e…nos primeiros passos da televisão, a preto e branco, tudo consumia, desde que tivesse letras, palavras, frases e…algum sentido, com bonecos ou sem eles, de cordel ou não, sérios, muito sérios ou chocarreiros e sem interesse, para alguns!!!... Por mim falo, tudo me agradava e conseguia prender a atenção, me transportava ao cimo das nuvens, tal o prazer que obtinha com o que lia…era, o que se chamava, um verdadeiro rato de biblioteca, por vontade própria, por inclinação, sem ser por obrigação!!!...

…quanto aos estudos, à minha formação académica, à minha preparação para a vida profissional, sempre fui muito refractário, teimoso e resistente, nunca gostei de barreiras impostas, de obrigações intransigentes, de ser obrigado a gostar do que não gostava, daí a minha aversão a certos palavrões, a determinados lugares comuns dos que, por jactâncias e convencimentos, se fecharam num grupo muito restrito, o dos intelectuais, os que se adonaram de verdades absolutas quanto a escritores, prosadores ou poetas, do passado ou do presente, de todas as latitudes e longitudes, de toda esta bola em que vivemos, muito completa, quanto aos que escrevem, desde os cavernículas até aos nossos dias, dos mais citados e recomendados aos mais apagados e anónimos…gosto de ler porque a leitura, em si, me dá prazer!!!...

…ela, a referida, na sua essência, não deixa de ser o que é, simplesmente uma transmissão de vivências, mais burilada ou não, com mais ou menos floreados, com termos de arrebatar, com frases de espanto, com filosofias muito próprias de quem escreve, com mais ou menos aceitação por parte de quem a lê, com maior ou menor imaginação, com criatividade suficiente que nos prenda, nos vicie, desde o início, como um bálsamo, uma oferenda dos céus, um agrado inigualável, uma referência que permaneça viva por muitos anos da nossa curta existência!!!...

…li muitos autores, desde os intocáveis e adorados por toda uma série de fanáticos dos referidos, até aos mais soft, os que, por razões que não entendo, não passam da cepa torta, não ascendem ao estrelato, não deixam o anonimato, as sombras em que se encontram…deles, sem excepção, sempre tirei alguma coisa nunca os endeusando porque, afinal, não deixaram de ser o que foram, simples mortais que nos deixaram escritos!!!...Foi a contribuição deles para humanidade, tal como um pedreiro, um lavrador, um varredor, um médico, um advogado, um sapateiro, eu sei lá, qualquer tipo de profissional que desempenhe, com verdade e honestidade, a sua tarefa!!!…Foram grandes no que fizeram???...

…talvez o tenham sido, pelo que… deles, se lê, se fala, se comenta, se estuda, se esmiúça até ao âmago, não deixando de ser, tal como já o afirmei, simples peças desta grande máquina produtora de novos génios, sempre e sempre, cada vez mais, à medida que o tempo passa, à medida que nos interiorizamos porque, quantos e quantos não há que, desde que a isso se proponham, conseguem transmitir para o papel tudo e todas as experiências das suas próprias vidas, porque todas as vidas, desde que vividas, têm interesse!!!...É tempo de não perdermos muito tempo com os mortos de há séculos!!!...Que eles nos sirvam como base, como ponto de partida, muito bem!!!...Que eles nos proporcionem momentos inolvidáveis, tudo certo!!!...Que eles nos sirvam de referência, claro!!!...Que sejam obsessivamente citados, esventrados até ao seu mais íntimo pormenor, parece-me que é demais e…aborrece!!!...

…o mal da literatura cinzenta, quanto a mim, é este, o que tenho tentado descrever, humildemente, neste palavreado que, já se vai arrastando, mais do que pretendia, no início!!!...É a minha maneira de ver a questão, respeitando, evidentemente, todos os outros pontos de vista e de opinião!!!...Sou, como sempre fui, um pouco contra todas as regras instituídas pelos sistemas da nossa sociedade, uma persona non grata, para muitos… pelo menos neste sector, o da literatura, pura e…dura!!!...Um abraço do Sherpas!!!...
28
Jan05

...literatura... a dura???...

sherpas
…literatura…a dura???...

…literato, iletrado… convencido,
deslumbrado, consigo próprio, lá nos altos,
comungando projectos, bem dilectos,
em patamares superiores…muito ungido,
da plebeia multidão…afastado,
cordato, em sítios mui selectos,
sisudo, com livros, mais que muitos,
investigador, rato de biblioteca,
homem de pouca estaleca,
com pensares, com rodos, com fluidos,
papelarias, suas fantasias,
sonhos arrecadados, em estantes,
vidas paradas, estanques,
visionamento de frases, de obras,
de filosofias várias, de sobras,
com óculos, com barbas, pensativo,
discernimento de, pouco activo,
intelecto febril, corpo passivo,
literato de extirpe, de trato,
no seu círculo, no seu âmbito,
rodeado de ideias mil, nos papéis,
calhamaços, como maços, sem cordéis,
gente fina, de gabarito,
uma moda, um hino, uma excelência,
num deslumbrar que se prolonga,
pura vaidade, excrescência,
numa literatura que se não alonga,
que se encerra, se coíbe, se inibe,
se fecha…se restringe,
se diminui, se evapora, se dilui,
porque se vende…se prostitui!!!...


…quando os vejo, quando os oiço, burilados,
arrastando nomes, citando frases, excertos,
dando uma de sérios…enrolados,
num falar d´outras esferas…espertos,
perante tolos, tristes palonços,
boquiabertos…com os insossos,
intelectos…bem dilectos,
bafientos, com traça…infectos,
restos de todo um passado…dejectos!!!...

…todos os escritos, todos os saberes, todos os sentires,
desde que vividos, desde que sentidos… depois de escritos,
são importantes, gratificantes, digna e pura…literatura,
não há cordéis, não há bibliotecas, não há porvires,
nem papelarias, nem editoras…com proscritos,
logo à partida, no início…como censura!!!...
…quem sente ou sentiu, escreveu,
quem não gosta do que leu,
engole em seco, sem escarnecer,
porque…faz doer!!!...

…Mas, quem sou eu???...Abraço do Sherpas!!!...

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Arquivo

    1. 2021
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2008
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2007
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2006
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2005
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2004
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D

Em destaque no SAPO Blogs
pub