Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Sherpasmania

... albergue de poemas, poesias e... outras manias, bem sentidas, por sinal!!!...

Sherpasmania

... albergue de poemas, poesias e... outras manias, bem sentidas, por sinal!!!...

02
Fev05

...poeta... de bela pena!!!...

sherpas



…débil, pouca figura, roupa vulgar, coçada, muito usada, chapéu na cabeça, hábitos repetidos, idas e vindas entre dois, três destinos, com paragens alongadas, sossegadas, bebericando café, entornando o seu bagaço…nos locais de sempre!!!... Muito só… sempre acompanhado, interiormente, claro… manga-de-alpaca, de poucas falas, calado, com olhar vago, abarcando o seu entorno, num vislumbre, num piscar, relembrando o passado, outros mundos, outras terras, outros tempos!!!... No seu canto, no trabalho, rodeado de papéis, cumprindo o seu dever, sonhando com rimas, com versos, com sonhos, com outras imagens… muito longe, muito afastado, deslocado!!!... Lindas paisagens, Tejo imenso, quanto sonho… vários caminhos, outros destinos!!!... Pequenos laivos, deslumbres, esquecimentos, momentos… lá no alto, um pormenor, uma flor, um cantar, um falar, um chilreio, um sabor…solidão, um sofrer, uma dor, vida triste, solitária… que se prolonga, que se alonga, que se anima, quando rima, quando foge, quando se refugia, sozinho… muito acompanhado!!!... Enriquecimento, outra gente, quando sente, quando vive, quando revive…quando escreve, quando preenche, com rabiscos, com versos, com rimas, sobre tudo, sobre nada, com sentimento, que avalia, que cria, que imagina, que relembra…isolado, posto de lado, pouca gente!!!... Figura pouca, vulgar, coçada, estendida na cama, olhando para o tecto do ínfimo quarto que habita, refúgio, descanso, quebra da rotina…fim do dia, outro se segue, café que se aprecia, bagaço que entorna, que aquece, que afaga!!!... A vida passa, rodeia-o, inunda-o, afasta-o, não lhe tira, coloca-o de lado, ignora-o, mostra-se-lhe, oferece-se-lhe… é-lhe pródiga, dá-lhe concentração, serve-lhe de tema, sublime pena, imaginação fértil, tempo que lhe sobra, que ele reverte, converte…folha sobre folha, resmas de papel, com versos, com rimas, com temas!!!... Refúgio, conchego, afago, regaço, recompensa… dentro da rotina, entre papéis de trabalho, papéis de recreio, entre bagaço e bagaço, com… um café, pelo meio!!!... Sherpas!!!...
02
Fev05

...por...trinta dinheiros!!!...

sherpas




…e, chegámos a isto, a este risco, situação melindrosa, perigosa, arma de dois gumes, afilada, triste maneira de fazer a vida política, a da intriga, a do rumor, a do boato, a da insinuação, arma cobarde e… traiçoeira, por parte de quem a pratica, de quem a atira para a rua, dos que, pobres deles, se sujeitam a levar com os reflexos, aumentados, acrescidos, de sofrer as consequências, agravadas, repito… pelo que sei, pelo que tenho vivido, experiência de vida, outros tempos, situações semelhantes, não por Poderes, por outros interesses… intrigas!!!...

…homens de duas caras, espécies rascas, baixas, sem similitude com os humanos, é evidente, estranhos… ainda mais, quando praticantes de credos, adoradores de santos e santas, praticantes de religião assumida, como confessos que são, pronunciando, em vão, o nome do Magnânimo, da Aparição… em qualquer ocasião, como opção!!!... Já no passado longínquo, quando era terreno, quando pregava… entre os que o acompanhavam, cerca de doze, pelos vistos, havia um, diferente, outra gente, adorador e amado, como os outros, pela frente, quanta hipocrisia (???...), todo sorrisos, todo prestável, amável, mais um que, como os seus confrades, se entregava àquelas práticas, correntes, as de ouvir pregar, ouvir a Palavra, beber os ensinamentos, sôfrego, piedoso, como se nada!!!... Tão pouco se vislumbrava, na altura, claro!!!...

… mais tarde, por trinta dinheiros… deu um beijo no Amado, hipócrita assumido, reles vendido, obsequiou o Filho de Deus com o Calvário, com tudo o mais que o antecedeu, com o final que não mereceu!!!... As moedas, pelo apontado na Bíblia, livro dos livros… tal como o Alcorão, como o Torah, o Talmude, o Midraxe, ajuntamentos de leis e preceitos de várias religiões, as mais badaladas, para ser preciso, as mais participadas, respeitadas, não diminuindo as outras, lá para o Tibete, lá para a Índia, muito próxima… para o Japão, um pouco por todo o Mundo, nesta nossa casa globalizada, cada vez mais… não lhe foram muito benéficas, pela consciência, a que nos persegue e nos massacra, nos tortura, nos amargura… quando, como gentes, caídos em nós, nos apercebemos do que fazemos ou… fizemos!!!... No caso dele, do bacoco do Escariote, mais conhecido por Judas, o traiçoeiro, o hipócrita, não o Tadeu… ensandeceu, com os remorsos, quiçá, deu no que deu, pendurou-se pelo pescoço, num ramo duma figueira, enforcou-se, morreu, morte indigna, merecida pela suja acção que cometeu!!!... As moedas, essas… deixou-as espargidas pelo chão!!!... Caso bíblico, antigo, mau exemplo do que se não deve fazer, que há que ter cuidado com a consciência, a tal… a que não nos larga, a que se não aparta, a que castiga!!!...

… não sei que tipo de religiosos praticantes são estes modernos, que mostram até à exaustão, a sua religião, as suas práticas, as suas mãos unidas, quando prostrados… em oração, que recebem, com humildade (???...) a hóstia consagrada, compungidos, introvertidos, convencidos, pelas imagens que vejo… quando praticam!!!... Dão-me que pensar, rejeito, faz-me impressão!!!... Para mim, não radical… simples elemento, tão vulgar, tão normal, tolerante com seres, com credos, com raças, como igual, mortal… convencido do que sou, nem mais, nivelado, respeitador do que não entendo, do que não pratico, fico como fico, incrédulo e pasmado…quando, por dinheiros, por Poderes, visualizo os Escariotes do nosso tempo, mais sofisticados, mais redutores, porque reduzidos, mais reles e cobardes, quando desdizem o que disseram, quando levantam rumores, quando espalham boatos, quando insinuam e…depois, sem consciência disso, afirmam que não, a pés juntos, se ofendem!!!...

… a consciência não perdoa e figueiras, tal como no passado… há-as por aí, em quantidade!!!... Que não os venha a ver, mais tarde, pendurados… com os trinta dinheiros espargidos, pelo chão!!!... Que não os venha a ver, prostrados… em frente de qualquer altar, a orar, para inglês ver!!!... Mostram-se ridículos… não me convencem!!!... Ou… pelo cómoda que é, a religião que praticam…que assim se lhes apresenta, que assim entendem, andando de perdão… em perdão, como opção, ou… o dinheiro e o Poder, tal como as ideias, falam mais alto, pois então!!!... A lama que lançam…fica com eles, enlameados da cabeça até aos pés, creio… autêntica mixórdia!!!... Em nenhuma Bíblia, Alcorão, Torah, Talmude ou Midraxe… entre outros compêndios teológicos, de vários e diversos credos, (…sionismo, budismo, etc,etc,etc…) se encontra lei alguma que admita, permita a hipocrisia, a má formação, a perversão, a insinuação direccionada, com intenção, sequer!!!...

… com a maior das facilidades, o feitiço… vira-se contra o feiticeiro, autêntico vespeiro!!!... Agnóstico, por escolha própria, depois de muito pensar, nem ateísta, nem teísta… pertencente ao grande grupo dos que não professam, não praticam a religião católica!!!... Para mim, tal como outras, é… alguma coisa que me impuseram à nascença, com a melhor das intenções, por parte dos meus progenitores, rejeitando-a, quando mais velho, perante tantos maus exemplos, dos que a pregam, dos que a praticam… tirando proveitos pessoais, sendo hipócritas, mentirosos, fraudulentos, quezilentos, mal formados!!!... Optei, de livre vontade… pela religião da consciência, como excelência, num agnosticismo consciente, livre, respeitador, porque respeito, pela formação natural, aperfeiçoamento constante… está em mim, é meu jeito!!!... Sherpas!!!...

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Arquivo

    1. 2021
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2008
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2007
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2006
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2005
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2004
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D

Em destaque no SAPO Blogs
pub