Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Sherpasmania

... albergue de poemas, poesias e... outras manias, bem sentidas, por sinal!!!...

Sherpasmania

... albergue de poemas, poesias e... outras manias, bem sentidas, por sinal!!!...

18
Mar05

...já lá vão... os tempos!!!...

sherpas


… já lá vão os tempos,
já passaram essas eras,
os tempos dos inventos,
os tempos das esferas,
do desconhecido… do ignoto,
do medo pelas estrelas,
da fuga dum corpo morto,
das superstições, bruxarias,
das rezas e… alquimias!!!...


…tempos da redenção, pelo fogo,
no tempo da inquisição,
o receio pelo sol posto,
o abrigo… na escuridão,
nos fundos duma caverna,
todos juntos, ao montão,
sem claridade, sem luzerna,
tempos remotos, diversos,
seculares, mais recuados,
distantes, esquecidos berços
sem memória, quase apagados!!!...


… ainda quedaram uns traços,
uns rabiscos, nuns pedregulhos,
restos de porcelana, uns passos,
ossos, nalguns entulhos,
em obra escrita, nas paredes,
em pedras fúnebres, em cascas,
em papéis velhos que ledes
em relicários escassos, rascas,
em bibliotecas monacais,
nuns que outros jograis,
ou… nos cronistas de serviço,
da época, pois então,
nas armaduras, sem viço,
nos apetrechos de latão,
nas espadas, lanças e setas,
nas tapeçarias reais,
nos copos, pratos e peças,
e noutros pontos finais!!!...


… tantos objectos grosseiros,
arrastados por animais,
burros, bois e… cavalos,
por homens menos iguais,
escravos, simples vassalos
das casas senhoriais,
noutros tempos, noutras eras,
tempos de inventos, de esferas,
tempos bem mais recuados,
sem memória, quase apagados,
no berço da escuridão,
no princípio da ilusão!!!... Sherpas!!!...


18
Mar05

... um casamento... casual!!!...

sherpas


… é um passo, no tempo,
uma decisão, um momento,
uma bênção… num templo,
inverso dum contratempo,
um comungar, numa união,
uma ideia, um pensamento,
o início, sem ilusão,
da vida a dois, um casamento!!!...


… verbo doce duma paixão,
experiência palpável, concreta,
bater uníssono do coração
na corrida única, na única meta,
de duas mentes com… um objectivo,
uma família, um prolongar,
uma chama, outro ser vivo,
um aconchego, um lindo lar,
uma acalmia, um entendimento!!!...


… um completar, um agradar,
uma quebra, um sentimento,
um reflexo, bem luminoso,
nos confins do Paraíso,
um Sol pleno… bem radioso,
um compromisso, um aviso,
uma partilha viva, intensa,
uma abstenção do egoísmo,
um ser que vive, pensa,
noutro ser… com paroxismo,
com tanta entrega, com tanto amor,
sentindo prazer, no meio da dor,
dando alegria, dando tristeza,
na vida que, por vezes, é brutal,
resistindo a tudo, com firmeza,
a Dois… mais casual!!!... Sherpas!!!...

18
Mar05

...aos pais... que o são, claro!!!...

sherpas



… quantos o são,
pelas circunstâncias, as mais normais,
num momento, num rasgo… pura paixão,
resultado, de actos sexuais,
sem mais!!!...

… mulher que engravida, que cria no ventre,
fruto desse instante,
por uns meses, o desabrochar dum ente,
futuro filho, duma mãe, dum pai,
tempo que passa, que esvoaça… que vai!!!...

… nasce, desejado, enjeitado, tanto faz,
menina ou rapaz,
abre os olhos, esperançado,
com sorte ou… infeliz,
pobre petiz,
acarinhado, quando amado,
fardo pesado,
rejeitado, logo à partida,
mau começo… perda de vida!!!...

…quantos filhos, sem pai,
quantos pais, sem filhos,
no destino que lhes cai,
que lhes cabe, com… ou sem cadilhos,
embevecimento, adoração,
prolongamento,
obrigação,
grande desvelo, suma paixão,
paizinho, paizão,
por vezes,
carrasco, criminoso… recriminação,
maus procederes… trabalhos e fezes!!!...

…quantos o são,
tantos que não,
pai exemplo, pai modelo, pai perfeição,
trabalhador, zeloso,
protector… um senhor,
gordo, magro, feio… formoso,
feliz e cuidadoso,
para nós… o maior,
supremo, a esmo!!!...

…obrigado pai completo,
Deus te mantenha, te tenha,
foste o mais dilecto,
o mais amado porque… amaste,
protegeste,
criaste,
tudo deste!!!...

…perdoa-lhes, porque não sabem,
nunca souberam,
no egoísmo, na indiferença,
nunca deram,
tão pouco… quiseram,
mas, que pouca crença,
não assumiram,
fugiram,
viraram costas,
partiram,
deixaram a semente,
fizeram gente,
quantas faltas, quantas lágrimas,
quantas falhas,
não foram pais,
não são iguais!!!...

… para os pais de verdade,
para os pais da saudade,
para os pais do exemplo,
de agora, de sempre… de qualquer momento,
profundo abraço,
dia merecido,
por isso faço,
não esquecido,
este poema, esta homenagem,
simples palavreado,
uma passagem,
ao pai desejado,
mais que… amado!!!... Sherpas!!!...

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Arquivo

    1. 2021
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2008
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2007
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2006
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2005
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2004
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D

Em destaque no SAPO Blogs
pub