Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Sherpasmania

... albergue de poemas, poesias e... outras manias, bem sentidas, por sinal!!!...

Sherpasmania

... albergue de poemas, poesias e... outras manias, bem sentidas, por sinal!!!...

31
Jul05

... lixo, junto do... lixo!!!...

sherpas

… lá o vi, no sítio de sempre, junto do contentor do lixo,

vasculhando, atento, insistente,

restos, sobras, sacos vazios, uma côdea dura,

carne, fruta, o que se encontra, se desfruta,

DSC00920.JPG

olhar aguçado, fixo, longe dali, indiferente,

roupas sujas, nódoa completa...

gastas, simples fios, fome que avoluma, que aperta,

 

estômago já habituado, martirizado... na penúria,

na miséria, nos dias que passam, lentos, escassos,

bem longe dos grandes repastos...

 

numa busca constante, em qualquer lado,

na sobrevivência que se arrasta, indigente de pouca monta,

quando se sente, se afasta... da vida passada,

 

mais séria, ainda com casa, bem empregado,

imagem que não vê, que não conta,

entregue que está àquele estado...

 

vasculhador de contentor,

buscador de sobras, restos, seja lá onde for,

num deambular permanente... parco nas palavras, nos gestos, sujo, nódoa indecente!!!...

 

em bicos de pés, se inclina, vai ao fundo,

reclina, quase adentra na porcaria, mistura que se não distingue,

quando passo, olho, disfarço, lixo fora, lixo dentro, quando penso,

me concentro...

 

situação reles, hipocrisia, sociedade que avança,

que finge, ignora o escarro, porque mente... pegada ténue, gritante,

de miserável, aviltante!!!...

 

mais um pedaço de pão, cheira, deita fora,

embalagem, quase vazia, lambe, guarda num saco, ainda não foi embora,

não descola, agarra, abre com lentidão,

 

averigua aquela fatia, não sente vómito, não sente asco,

é presunto, meio amarelado, coloca noutra sacola,

revolve, torna a olhar, revira, volta a revirar, com uma visível indiferença, pelo entorno, pelo lugar...

 

no que havia de dar, quando intenta… quando pensa!!!...

 

corpo dilacerado, mente embutida,

desde que se encontra naquela vida,

farrapo andante, contentor com pernas, sacos cheios, com dores, com restos,

revezes da vida, imundas lucernas... parcos os gestos,

 

quase de rastos, quando... com fomes, se empina, seja onde for,

nos caixotes, lixeiras, sobras,

é o que comes, não pagas… não cobras!!!... Sherpas!!!...

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Arquivo

    1. 2021
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2008
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2007
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2006
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2005
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2004
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D

Em destaque no SAPO Blogs
pub