Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Sherpasmania

... albergue de poemas, poesias e... outras manias, bem sentidas, por sinal!!!...

Sherpasmania

... albergue de poemas, poesias e... outras manias, bem sentidas, por sinal!!!...

24
Ago05

... poejos e... manjericos!!!...

sherpas

 há quanto tempo, os não vejo, há quanto tempo, os não sinto,

que saudade... no Alentejo,

nesta secura que pressinto,

DSC01671

bem verdade que… não minto,

nestes ardores, nestes furores,

nestes calores...

 

graves agruras,  riachos, sem água, secos,

vales sombreados,

sem humidade,   lagos e charcos,

calamidade...

 

só leitos, entristecidos,

terrenos, sem alma...…

ressequidos,

 

que saudade do poejo... há quanto tempo,

o não vejo???... …

 

erva de cheiro e sabor,

campestre, sazonal, de odor intenso,

um primor,

 

açorda alentejana, sem ele, reles imitação,

devaneio... é um anelo que sele, um conjunto,

uma invenção,

 

à base de azeite e pão,  refeição do pobre,

de então...

tendo um ovo escalfado, no meio, obra de arte, falada,

idolatrada,

 

remate da patuscada...

às tantas da madrugada,

 

quebra, final de refeições... bem regada,

quentinha, saborosa, soberba, divinal,

colorida...… bem gostosa!!!... …

…

já passou, ainda existe, prolonga-se pelo Verão, mais ainda,

com os santos populares, com quadras brejeiras,

que leste... quando sorriste,

quando compraste,

 

quando afagaste, nos vasos repletos de verdes,

viçosos, pelos luares,

manjericos... dos namoricos,

 

sem soalheiras, protegidos, resguardados, no peitoril das janelas,

pela noite fora... a espreitar,

 

espargindo cheiros, é vê-los,

de enfeitados...

tão belos,

frágeis, frondosos,

 

pelos bairros, testemunhos de apaixonados, promessas, bailes,

desejos,

sorrisos,  enlevos e...… beijos!!!... Sherpas!!!...

 

24
Ago05

... descomplicado... como gosto!!!...

sherpas



… gosto de coisas simples,
pela beleza que contêm,
não complexas, humildes,
quando nos chegam, advêm,
sem subterfúgios, sem rodeios,
palavras claras, sem enleios,
vindas de fonte segura,
ruminadas, criadas,
a jorros, com fartura,
almas abertas, puras, dadas,
numa conversada, não calculada,
num rodopio de sons, sorrisos,
numa proximidade conquistada,
sem outros objectivos,
escondidos, imprecisos,
muitas vezes… disfarçados,
mais que congeminados!!!...

… falar, olhos nos olhos,
como somos, como sabemos,
sem mistelas, sem abrolhos,
dizendo tudo que queremos,
levados pela corrente,
no seio da minha gente,
falando até às tantas,
tal como, quando crianças,
inocentes, umas canduras,
interlocutores que nos ouvem,
que nos contestam, respondem,
com saberes deles próprios,
originais, impecáveis,
sem dissonâncias, desacertos,
sem constrangimentos… apertos!!!...

… não, faz-de-conta constante,
não, elitismo balofo,
respeitando o semelhante,
não, mostrando a bagagem,
citando, com exagero,
com arte, muito esmero,
como vejo, de passagem,
quando leio, logo me aparto,
de enjoado, descarto,
não aprecio, quem rebusca,
quem ousa, vasculha, empurra,
gente, por vezes, patusca,
que tanto mostra, tanto atulha,
mostrando sapiências rotundas,
sobre genes, sobre amibas,
sobre teorias quânticas,
sobre filosofias e sonhos,
sobre génios e imbecis,
com sentenças bem antigas,
pensadores de coisas alheias,
complicadas, já falidas,
bases sólidas com que alteias,
comportamentos, fadigas,
decifras, investigas,
palavras doutros, amigas,
quando te distancias,
te ergues, sobressaindo,
fazendo de conta, fingindo,
nomeando os que nomeias,
num arrevesado constante,
pedantismo, bem assumido,
numa conversa, complexa,
mui truncada, avessa,
aos que conversam… comigo!!!...

… gosto de descomplicar,
ser igual, comparar,
estar ao nível do humilde,
do que trago sempre comigo,
com quem gosto de falar,
olhos, nos olhos,
como deve,
de amigo, para amigo,
sem jactâncias, sem abrolhos,
daquilo que nos concerne,
sem mistérios, sem alucinações,
sem enganos, mistificações,
sem ínfimas discrepâncias,
como sou… sem destempero,
com acerto, com esmero!!!... Sherpas!!!...





24
Ago05

... cheiros e... sabores!!!...

sherpas

… ervas aromáticas, bálsamos, sabores,

cheiros e cores,

pequenos matizes... directrizes,

orientação de quem as usa, na própria alimentação,

satisfação,

thumb_IMG_1086_1024

espontâneas, bem felizes,

toques de mestre apurado, na alquimia do guisado,

na magia do sensual...

nas artes duma planta, de flores, numa borrifadela certeira,

num cheirinho, de encantar,

 

tanto em planta, como sucedâneo...

em líquido, convertidas, nos perfumes, nos odores,

enlevo, sedução...… amores,

 

nas carícias da lavanda,

alfazema que emana,

cheiro suave, leve e fino... no enxoval… do menino!!!... …

 

coentros e rabanetes,

lá cantava o fadista... dando um toque nos vinagretes,

dão sabor, alegram a vista, orégãos, numa salada,

pezinhos de coentrada,

 

uma salsa, bem aplicada,

corta, dá um gosto refinado, numa mesa repleta, farta,

apetece cantar o fado, quando se mistura o tinto,

quando se trinca aquela carne...

com que sabor me fico,

 

quando mordo... quando me arde, a malagueta,

no ponto...

no assado, feito no forno!!!... …

 

ai que boa açorda de marisco,

condimentada com coentros... belo manjar,

bom petisco,

 

tomilhos, verbenas, ramos de cheiros,

encantamentos, surpresas, paladares refinados,

pipas de alho, nas favas, cheiro de alfazema...

quando lavas, enxoval do teu menino, lavanda que me inebria,

desde quando pequenino,

 

regalo e fantasia... quando elaboras, com esmero,

uma sopa da panela,

também chamada de pedra,

 

tal como gosto, como quero... hortelã viçosa e bela,

sem falha, nenhuma quebra,

com todos os acompanhantes, tanto agora, como dantes!!!... …

 

alecrins, funchos e louro, nas carnes... no peixe, no forno,

retoque de esmeralda, fino ouro,

não um simples adorno,

um complemento, um sabor, um paladar, um cheiro, um gosto,

 

uma invenção, um segredo… um amor,

ervas aromáticas, uma bênção,

perfeição...

 

engenho, com gosto,

uma planta, uma semente… uma flor, bálsamos,

pequenos matizes... encruzilhadas… directrizes!!!... Sherpas!!!...

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Arquivo

    1. 2021
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2008
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2007
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2006
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2005
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2004
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D

Em destaque no SAPO Blogs
pub