Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Sherpasmania

... albergue de poemas, poesias e... outras manias, bem sentidas, por sinal!!!...

Sherpasmania

... albergue de poemas, poesias e... outras manias, bem sentidas, por sinal!!!...

21
Mar07

... Primavera!!!...

sherpas

… campo florido sob céu azul resplandecente,

Sol que nos abriga, ilumina, aquece,

dia do equinócio da Primavera, equilíbrio perfeito,

bem repartidas as horas, tendência para crescer o dia

daqui p´rá frente,

permanente sinfonia,

cântico à vida, maus pensamentos esquecidos,

esvaídos,

 

esperança que se renova,

germinam plantas na Terra,

abrem-se sorrisos nos rostos,

soam músicas no ar, tinidos,

regozijos,

conforto no coração,

repicam os sinos,

permanente sensação,

pleno viço,

amor com intensa partilha,

doce união,

 

que tenham muitos meninos,

semente com que se aduba o chão,

fecundação,

ventre de mãe parideira,

esperança, renovação,

frescor, doçura

no meio de tanta ternura,

beleza que transparece em tudo que nasce, cresce,

velho que se equilibra,

doente que se esquece das maleitas de que padece,

tudo canta, tudo vibra,

 

… imorredoura,

sempre igual, deslumbrante,

sopro que nos acalenta,

nos agiganta,

época que se adora,

límpida promessa que se tem,

renovadora,

constante,

feliz de quem a goza… todos e ninguém,

equinócio,

equilíbrio,

Primavera, puro ócio,

desafio que nos sustém!!!... Sherpas!!!...

 

 

 

 

 

21
Mar07

... perante!!!...

sherpas

… talvez sinta medo, natural que se não queira apresentar, tal e qual,

dúvidas que me assaltam,

 

DSC03499

perante,

 

pensamentos que tenho, Mundo tão diferente, extravagante,

normalidade que deixou de ser normal, não é segredo, todos o sabem, comentam,

ainda existem os que inventam...

 

os que tentam disfarçar a situação,

que não, que não está em risco... a condição,

 

continuamos seguros por muitos anos... quantos disfarces, quantos enganos,

no seio destes humanos,

biliões que se atropelam, se injuriam, não apelam,

 

destroem por sistema, concertadamente,

não olham, não têm receio, não param, não se deliciam com o que possuem,

escravos do corpo que precisa, da mente...

 

sem humildade, sem devaneio, carregam sobre o que não usufruem,

não têm tempo, tão anormais nos feitos,

grandes defeitos...

 

apocalípticos na destruição,

põem, dispõem, desequilibram, caldeira infernal em ebulição,

produção, mais produção... sem contenção,

 

perante,

 

é natural que tenha medo, que se evite,

que espreite, recue de imediato, simples hiato, amostra do que poderia vir,

tempo primaveril...

 

temperatura amena, campos floridos, risonhos, sol grandioso, energia de tudo,

fauna, flora... num conjunto,

 

hino que se canta, quedo pensativo, mudo,

sério, compreensivo, admito seus temores, quando assola um cadinho,

nos premeia com carinho...

 

nos nega, foge, se esconde por trás de nuvens negras, do frio,

da ventania que surge, nos arrepia, nesta quase brincadeira que se repete,

que nos persegue...

 

estando quase, altura sossegada, maravilha,

pedaço que mais se admira...

Primavera que se espera, harmonia celestial,

equilíbrio total,

 

perante,

 

é natural que se abstenha, que... tenha medo,

não é segredo!!!... Sherpas!!!...

 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Arquivo

    1. 2021
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2008
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2007
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2006
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2005
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2004
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D

Em destaque no SAPO Blogs
pub