Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Sherpasmania

... albergue de poemas, poesias e... outras manias, bem sentidas, por sinal!!!...

Sherpasmania

... albergue de poemas, poesias e... outras manias, bem sentidas, por sinal!!!...

28
Set08

... outonais!!!...

sherpas

... como tudo na vida, deu a volta, quase a medo,

na avenida larga, na praça, no vilarejo que fumega,

no vale ensombrado da serra,

ventania que anuncia outro tempo,

nuvem que ameaça, despenca,

castiga quando passa, mais instável, como norma,

trovoada que se forma,

lodaçal que tudo arrasta, período estival que se cerra,

tarde Outonal, solarenga, cheiro de castanha assada,

sem pregão adequado, coisa esquecida, passada,

bem conhecido o momento,

quentinha, boa, fruta d´época,

sensação que aquece a mão,

sabor que se renova no início da estação,

quando se descasca, quando se prova,


dias claros, manhãs frescas, vinho novo que se perspectiva,

veranito dos marmelos, roupa incerta q´incomoda,

tarde na praia que s´evoca,

folhas que rolam pelo chão, encarquilhadas como novelos,

castanhas, amarelas, que predominam,

nos tons que também cativam,

num arrepio que nos chega,

receio do que surge de repente, noite que pede conchego,

agasalho, doce sossego,

cobertor que nos afaga,

corpo q´envelhece, que se apaga,


gripe que nos cai em cima quando se não tem a vacina,

receituário salvífico

para imenso grupo de risco,

cauteloso que pouco arrisca, sendo lesto, mais medroso,


buscando saída de luxo, noutras paragens mais quentes,

muito acima dos insolventes,

cortando voltas à endímia,

gastando alguns cobres, sem custos,

prevenindo dores, sustos,

gastando cabelos, criando rugas,

enquanto o tempo avança nos seus escapes, que são fugas,


não há males que não apanhes, nesse teu Verão constante,

sem saída no que t´alcança

apesar de doirada abastança,

nem que berres, nem que t´arranhes,


numa sucessão q´é desvario, elas aí chegam, aí vão,

renascer do que vai morrendo,

lembrando origem d´alguém,

pontitos que vão ficando, crocitos como desafios,

ave escura que volteia fazendo jus a seus pios,

agoireira assombração,

fechamento temporário logo a seguir ao Verão,

descansa tudo q´existe menos matéria que perdura,

s´esvai, quando esfarela,

se transforma no que já foi, perante aquilo que se tem,

sendo nada, sendo ninguém,


insolente que vai crescendo, apostando num erro tremendo,

querendo agarrar o que tem,

enganando... com pedra dura, boneco, saltimbanco,

inveterado palhaço,

cara de gozo, d´espanto, quando foge, se disfarça

à medida que o tempo passa

neste ou... em qualquer espaço!!!... Sherpas!!!...


Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Arquivo

    1. 2021
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2008
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2007
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2006
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2005
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2004
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D

Em destaque no SAPO Blogs
pub