Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Sherpasmania

... albergue de poemas, poesias e... outras manias, bem sentidas, por sinal!!!...

Sherpasmania

... albergue de poemas, poesias e... outras manias, bem sentidas, por sinal!!!...

06
Mai09

... farto de ti!!!...

sherpas

... hoje, estou farto de ti,

jornalista prostituido, tão opaco, tão vazio,

emprego que susténs, ganha-pão,

porta-voz do patrão,

tanto escrever que não, indo contra aquilo que pensas,

bota escrita, esparrama verve,

tudo fazes, tudo intentas,

pago pr´aquilo que serve,

coisas que vejo por aqui,

 

 

quanta falta d´opinião,


tantas em contra-mão,

num ficar bem, alquebrado,

lendo o q´escreve, de lado, discordando consigo próprio,

mescla d´incógnita/opróbrio,

espinha tão distorcida.

vida dúbia, tão fingida, carência,

obrigação,

... hoje, estou farto de ti,

político de conveniência, controverso não assumido,

carreira que se torna caminho,

sujeira que s´acumula, escaninho,

falha que sobra com tudo, enganando-se, quando esconde,

contrários,

como adversários,

respondendo, não responde,

usufruindo o que lhe cabe, na mentira, na verdade,

longe da realidade,

clubinho a que pertence, bem à medida,

cor que vestiu n´altura, oportunidade, quando sobe, quando fura,

enquanto dura, enquanto dura,


outros ares, desaforos,

não ligando a risos, a choros,

superior criatura, quando se julga, avalia,

na tormenta, temperança, razia,

coisa esquisita, diferente,

no meio de tantos, certa gente,

empertigada na vestimenta, no trato que tem com outros,

simulacros, muitos encontros,


... hoje, estou farto de ti,

repórter, dentro d´assunto,

estando lá, ouvindo, perguntando, averiguando,

avultando fonte segura,

fazendo triste figura,

comentando como lh´apraz, mostrando como lh´interessa,

muita conversa, muita conversa,

certezas, quase improváveis,

dando voltas ao que recebe,

quando alimenta, concebe facto q´engrandece,

como recado,

resultado,

mostra num sítio qualquer,

como entende, como bem quer,


ateando fogueira, sendo bombeiro,

mais em baixo, mais em cima, bipolar de profissão,

acaso, ocasião,

causando pasmo, confusão,

deformando os que não estão,

recebem o que lhes dão,


... hoje, estou farto de ti,

títere, fantoche, espantalho, líder escolhido q´eu vi,

sujeito a escrutínio plenário,

eleições como cenário,

votos secretos, urnas tão fundas,

paleios q´ainda convencem,

vão aos poucos, vão aos poucos,

perante multidão de loucos,

s´extinguem quando arrefecem,


gostando, denegrindo, por vezes, tendo fezadas,

muitas cresses,

fiéis seguidores do peito,

indo ao jeito,

fazendo tudo a preceito, dentro de normas do sistema,

calcando todos na mesma,

carrada de macacos enjaulados,

encaminhados, encaminhados,


ludíbrios que nos enfardam,

não julgando, quando arrecadam,

distraindo noutros julgados,

temporizando o que não presta,

o que nos resta, o que nos resta,


... hoje, estou farto de ti,

quando m´adentro, farto de mim,

tão em baixo, tão em cima, tudo s´arrima, tudo s´empina,

tudo s´esgota, quando se desgosta, confusa situação, somos TUDO que desagrada,

minha crença, apelação... somos TODOS, somos NADA!!!... Sherpas!!!...

06
Mai09

... morte!!!...

sherpas

... não faz mal, não importa,

sombra que s´esgueira d´existência,

passagem rápida, líquido q´escoa em retorta,

alambique que destila, transforma, separa,

essência q´inebria,

volatilidade q´acaba, esfuma,

constante receio, inevitabilidade,

marcha tétrica que não pára,

sorriso, choro permanente, apostasia,

indiferença, aceitação,

mudança repentina, fantasia,

conclusão,

memória que resta, marca,

desfazendo, compara,

 


bandeira que se posta sobre matéria morta,

excelsa figura, sem feitos, influente criatura,

sinecura basta, vida sem préstimo,

saco vazio de conteúdo,

horizontal posição, música pausada,

força em parada,

complacência de quem se não manifesta,

não interessa,

está presente, hirto, mudo,

armas em riste, direccionadas por comando,

retumbante estrondo q´espanta pombos na avenida,

olhar mortiço, passante entristecido,

não associa, lá vai, sisudo,

passos condoídos,

curta extinção d´outra vida

sem notícia, sem parangona, sem televisão,

amorfa, sem emoção,


toda uma entrega,

dedicação, doce refrega,

encantamento num sorriso que partilha,

palavras pausadas, ensinamentos,

percurso pleno, divertido,

tão colorido,

esgares, risos, gargalhares, saltos, imprevistos,

olhares gulosos, ouvidos atentos,

quantos sustentos,


formação numa sementeira tão extensa,

campo fértil,

germinação de toda uma geração,

crescimento harmonioso,

imagens hilariantes, sem bandeira,

sinecura,

mordomia,

exaltação humilde duma tarefa,

personagem com percurso, arrumação,

esquecimento, sem oficiosos benefícios,

matéria morta que perdura,

triste momento,

lembrança que se tem de quem foi alguém

que dura, dura,


maior prebenda, reconhecimento,

sem bandeira, sem música,

sem evocação com força em parada,

armas em riste, som tão certinho,

disparadas sob voz potente de comando,

pombos d´avenida q´esvoaçam, poisam de novo,

acaba um sonho, acaba um POVO,

gravado num recanto, carimbado no profundo,

maravilhoso MUNDO!!!... Sherpas!!!...

05
Mai09

... infusão!!!...

sherpas

... beberagem, como remédio a um doente,

tisana de sabor amargo, obrigação como saída,

periódica, desagradável, incómoda para papilas,

rosto que se contorce, nariz torcido,

uma que outra exclamação de quem não gosta,

mas aposta,

opção, paralela farmacêutica,

propedêutica posição,

mais mésinha caseira,

adivinho, curandeiro,

poupando tempo, dinheiro,

humilde provocação,

rebatimento num corpo jovem ainda,

tentativa que s´avista,

cura milagrosa que se tenta,

sustenta,


reacção tão natural, obtenção,

sustentação numa crença

que se torna norma,

se repete, s´aconselha,

não s´entorna, s´emborca à força,

mesmo q´o nariz se torça,

daquele frasco da nossa avó, preparado,

pessoa velha,

destrambelha,

mais ainda, corpo prostrado,


não,

embora líquido colorido,

mais cheiroso,

infusão de folhas secas, águas ferventes,

cheiros quentes,

doces aromas que nos inundam, fumos que dançam,

afagam sentidos,

emoção,


só de ver, na feitura, chícara q´aguarda,

sabor presente,

precessão do que se conhece,

antecedência doutros instantes,

motivo de reunião,

horas em ponto, com leite,

açucarado, como gosto,

bolinho, torrada de pão caseiro,

num café, recanto predilecto,

lar d´afecto,


santificada beberagem que não é remédio,

prazer intenso,

cafeína q´habitua,

acalma, renova sentires, cria apetites,

semeiam-se sorrisos, partilham-se conversas que se desfiam,

ambiências que s´estimulam,

alguns sortilégios que s´esboçam nas folhas que restam,

bebidos que foram seus fragores,

valias que continham, nos deram,

desafiam,


risadas q´ecoam, deduções de quem tem muito paleio,

adivinhações,

consoante posições,

antevisão dum destino,

folhinhas que cumpriram missão,

ainda dão pistas, quando poisadas no que resta,

julgamento, sob ar circunspecto,

sabido ou não, tentação,


infusão,

tal como feiticeiro em selva inóspita,

quando deita ossos, quando deita pedras,

introspecção,

tribos urbanas, mais modernas,

adivinhação!!!... Sherpas!!!...

01
Mai09

... remendo!!!...

sherpas

... amainou o temporal, sopram ventos de mansinho,

água gélida q´interrompeu ritmo de caída constante,

olho pedras do caminho,

retrocedo meu pensamento, reflexos que delas s´espargem,

encandeamento por instante,

brilha Sol que surge, bem em cima, rutilante,

força q´anima, instiga,

empurrão, para que prossiga

no redondeio da vida, na busca que tento,

rompante,

perguntas que s´atropelam, respostas que não encontro,

dúvidas no entendimento do que julgo degradante,

ideia minha, pouca sustentação, porventura,

quando analiso pesponto,

linha que vai cosendo remendo que vai fazendo,

vontade dúbia d´alguém q´averigua, procura,

receio do que se projecta,

noutro caminho, noutra meta,


aberrante criatura, tão sisuda,

compenetrada,

mescla de tantos interesses, encontros, desencontros,

fazendo, do que se desnuda,

uma coisinha de nada,

pondo pontos com pespontos,

em tecido colorido, mas roto,

mantido com muitos reforços,


tremo, quando perpassa aviso que me contém,

olhando, não vejo ninguém,

alteio vontade indómita, remiro interior profundo,

avaliando aquilo que sou, como parte neste Mundo,

fazendo escolha acisada, separando erva q´estraga,

escolhendo sêmea tão boa, alcatifando cantinho,

pela senda que s´estende, meu destino, larga estrada,


buscando refúgio condigno,

oculto,

quase figura sem vulto,

compenetrado comigo no auge da tempestade,

frio intenso de rachar,

pausa que me proponho esteja onde estiver,

calhando onde calhar,


como quem aprecia, bem quer,

rejeitando todo, qualquer,

que só pensa no que quer,

mais barriga d´aluguer,

perecível infortúnio,

passagem que se torna peso, incomodativo augúrio,

desvario numa cosedura,

pesponto que não reforça, linha que vai desligando,

sem harmonia, sem encanto,


partindo ligação mais frouxa, mais densa na complexidade,

fraco reflexo, entendimento, busca doutra verdade,

propulsão que se perspectiva,

não agrada, não cativa,

barulhos constantes, multidão, temporal que s´avizinha,

por mais forte que seja a linha,

gélida contradição,

nem com pontos, alguns pespontos,

se remenda um trambolhão!!!... Sherpas!!!...

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Arquivo

    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2008
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2007
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2006
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2005
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2004
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D