Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Sherpasmania

... albergue de poemas, poesias e... outras manias, bem sentidas, por sinal!!!...

Sherpasmania

... albergue de poemas, poesias e... outras manias, bem sentidas, por sinal!!!...

30
Jan11

... jasmins e... LÓTUS!!!...

sherpas

... eram lírios, eram cravos, são jasmins,

flores diversas que nos encantam,

tão perenes, tão formosas,

sonhos com que nos compomos,

quando as pomos, as invocamos,

quando esperamos acontecido,

monstro vencido,

 

fantasma que se ultrapassa,

vida devassa,

 

recalcamento de tanto POVO,

sob jugo, sob vontade férrea que não respeita,

quando se ajeita,

quando se disfarça,

o tempo passa,

 

engolindo deformação, grande trapaça,

separação entre quem vive, quem vegeta,

estando alerta,

 

heráldica antiga na flor de LIS,

quando monarca,

quase raiz,

 

fonte esquisita, sangue de tinta,

gente retinta,

tão azulada, noutro matiz,

 

diferenciação que não encanta,

quando engana,

sobrepõe a raça,

invocando os DEUSES, atemorizando TODOS,

pervertidos sobre TONTOS,

mente tão escassa,

 

a bola rola, dá volta e volta,

conhecimento avança,

judiciação da população,

“in limine litis”

do lodaçal eis que surge flor mais bela,

vox populis, libertação,

 

Lótus imponente,

tão pronta, num repente,

de supetão,

vencendo heráldica, como quem diz,

formosinha figura de LIS,

 

bonitos lírios, gritantes cravos,

quantos escarros,

incomodidades  que nos atazanam,

quando nos tentam, quando nos enganam,

quando nos calcam,

 

endeusados, tão protegidos,

não há estórias infinitas, obscuros caminhos,

outros finais,

mais condescendentes, mais normais,

 

todos iguais, sem rituais, outros fins,

harmonia que se pretende,

“vox populis”

noutras paragens,

flores tão belas,

ei-las que surgem, estão aí,

 

delicados, tão ténues, tão débeis,

tão fortes, cheirosos, doces jasmins!!!... Sherpas!!!...

 

{#emotions_dlg.confused}{#emotions_dlg.mad}{#emotions_dlg.smile}

04
Jan11

... festas e... comezainas!!!...

sherpas

... petisco que se ajeita, mais um copo que se entorna,

dando de barato, aos outros, o que pior se tem,

fazendo negro o quadro, quando tenta,

objectivo preciso, quando engana,

alguma réstia, nem de cebolas, nem de alhos,

luzita ténue ao fundo do túnel,

repetitivo se torna, quando fala de rumo,

misturando com bugalhos,

 

desconversando, por atalhos ínvios,

com desfaçatez homérica,

hipocrisia patética,

ambiente de festa, comezaina,

árdua faina,

estático, confuso, esfíngico,

nada mimético, mantendo postura

de convencido, abstruso,

obscuro, tão confuso,

 

quando ilustrado,

mais acima do que a mediania,

cérebros que rejeitam,

não aproveitam,

 

num encolher de ombros,

largam sonhos,

disparada alucinante, destino incerto,

sorrisos abertos,

 

canseira que não cansa,

ripanço, descanso,

ilusão tão grande,

na volta, reviravolta,

com escolta, sem escolta,

 

amostra temporária,

periódica,

doce memoria,

 

aproximação de festas,

quando te mostras, quando te aprestas,

ai que saudade, ai que saudade,

triste realidade,

num Pais que se contradiz,

 

tempo de revirar ditadura de alterne,

maus caminhos trilhados, anterioridades,

quantas e quantas inverdades,

democracia que se refaz,

revolta contra o incapaz,

num tanto faz,

indiferente, gemente desencanto,

doce recanto,

 

pobre inocente

que sofre, que sente,

que berra, tolera,

aguarda, espera,

desespera!!!... Sherpas!!!...

 

{#emotions_dlg.confused}{#emotions_dlg.mad}{#emotions_dlg.smile}

02
Jan11

... eunucos!!!...

sherpas

... alguns se vão distinguindo, não por feitos,

por defeitos, oportunismos, ocasiões,

numa democracia mal acabada, eleições,

 

vorazes, surgiram do nada, salafrários se tornaram,

salamaleque, dose maciça, latões no peito, incharam,

castrados logo à nascença,

incúria, pequena crença,

 

 

quando ainda putos, não adultos,

vazios, onde falta, tipo eunucos

servilismo, harém de virgens impolutas,

tão dengosas, por dinheiros, bem piores do que “putas”

 

perante useiros, vezeiros, ambivalência, aparência assexuada,

amorfos, quão complexos, harmonia liberal, sempre igual,

quanto a capital,

pecado de todo o tamanho, comportamento desleal,

DEUS dinheiro que persiste,

enquanto reduz, não existe,

 

sombra que se vai esbatendo nos valores que não distingue,

quando era, deixou de ser

existia, esvaneceu... agora, finge,

 

palavras, incitamentos, buscas mais abrangentes,

formação do que se apelida de politico,

a tempo inteiro,

colocação de topo, por dinheiro,

 

partidos que nos completam,

deveriam,

 

pecado, no que é humano, não é pecar,

diferente de roubar,

acabando por ficar,

tumulto da luta, tirando vidas em barda,

façanha lhe chamam, quando toca a matar,

 

ascenderam,

foram, são o que querem,

apropriados de instituições que, por inoperância, se desmerecem,

não compadecem,

pobre turba,

milhões ao abandono, iletrados por tantos lados,

ganância que sorve, dissolve, desbarata,

desfalcando tristes, pataratas,

 

porta aberta,

torneiras fechadas logo após grande enxurrada,

multidão vociferante, quando reclama,

logo axouxa, combalida,

NADA por trás da testa, vai de vencida,

acalma, não contesta, contemporiza,

festeja,

 

única saída,

MUNDO que os espera,

longe de TUDO, de TODOS, da TERRA, ai que saudade,

 

tão ignorantes, tão laxistas,

tão sonsos, tão mornos,

tão eunucos, tão castrados,

quando putos, depois de adultos,

indistintos, mais que apagados,

sorrisos imbecis,  escancarados,

viandando por tantos lados... Sherpas!!!...

 

{#emotions_dlg.confused}{#emotions_dlg.mad}{#emotions_dlg.smile}

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Arquivo

    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2008
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2007
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2006
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2005
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2004
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D