Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Sherpasmania

... albergue de poemas, poesias e... outras manias, bem sentidas, por sinal!!!...

Sherpasmania

... albergue de poemas, poesias e... outras manias, bem sentidas, por sinal!!!...

06
Jul11

... outra...memória!!!...

sherpas

... recuando no tempo,

lembro...

quando, de mim, me aparto, distancio, preso por simples pavio, luzita que me aconchega, volta, não volta,

reviravolta, quando me assola,

arrecadado no meu canto, preso a pensamento,

DSC01914

saltitante ou de rompante, que, isto da memória, na idade que se acumula, umas vezes, simples preâmbulo,

ligação a um pormenor, ocorrência que avassala e pula... ostenta tanta beleza,

mantendo tanta certeza,

queda como directriz, quando se aponta, se diz,

 

dá colorido a conversa, completa situação, quase como um alerta, risota que provoca,

esgar que contorce rosto...

de vinho de rica colheita, resquícios espezinhados no lagar, simples mosto,

 

acompanhamento que seduz, quando se atira, reduz,

se recebe, contraluz...

biombo que separa o que sentes, credos, ideologias diferentes, são apontamentos, repentes,

posicionamento d´outras gentes,

 

vidas diversas, tão raras, ajuntamentos díspares, vidas caras,

afrontamentos que me inundam, confrontos que não entendo,

recordações doutro tempo,

estórias que gosto... mostro,

 

relembro vezes sem conta, porque na idade que tenho, sem me aperceber, sequer,

levado por isolamento, num canto mais sossegado, saltitante ou de rompante, sorrio embevecido,

convencido...

 

falando comigo próprio, com os botões que transporto,

nos revirados dum casaco... na farpela de momento,

não ligando, não fazendo caso,

doce visão que me acompanha, que partilho, quando a mostro,

 

vinhaça de fraca colheita, resto de lagar, simples mosto, espezinhado, apontamento, isolamento,

insignificância, ocultamento...

 

com outros que me são estranhos, aproximados de ocasião,

levado pela emoção...

triste celeuma, sensação, vai-se-me da boca, quando a escrevo,

quando a recordo, quando a lembro,

 

início dum disparate, espécie de intróito na peça que se desenrola, cena que tanto me choca,

moedita que cai, quase esmola...

pantomina que desafina, coisa à toa, desatina,

 

algaraviada sem nada, alvoroço sem rebuço, contracção de ventre, defensiva,

no estômago, dado em nenhures,

algures...

pancadaria da grossa, estória,

 

recalque dum incapaz,

no conchego onde me encontro, sai-me da boca... num repente,

 

escrevendo, fala adorada, com os botões que ostento, farpela caseira, revirados, prosaico ostentatório,

sururu, falatório...

teatro inconcebível, ópera bufa, planta de estufa,

invencível cavaleiro, no saque, sempre o primeiro,

 

desfazendo com pertinácia, derrocada, ineficácia,

desbarato que me confunde...

ofertando, quase de graça, etapa que se torna tão trágica, amontoado débil de imbecis, laudatório, genuflexão, cerviz,

quando criança, petiz!!!...  Sherpas!!!...

 

{#emotions_dlg.confused}{#emotions_dlg.mad}{#emotions_dlg.smile} 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Arquivo

    1. 2021
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2008
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2007
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2006
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2005
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2004
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D

Em destaque no SAPO Blogs
pub