Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Sherpasmania

... albergue de poemas, poesias e... outras manias, bem sentidas, por sinal!!!...

Sherpasmania

... albergue de poemas, poesias e... outras manias, bem sentidas, por sinal!!!...

27
Jan06

... a diferença é... enorme!!!...

sherpas

… a diferença é enorme... entre os que comem,

os que têm fome,

os que desbaratam fundos, percorrem Mundos,

juntam riquezas, fumam charutos,

DSC01955

caros e raros,

rodeiam banquetes, nas suas mesas,

vestem do bom, com fartura... fazem sorrisos, cara dura,

 

são hipócritas, quando rezam,

quando escondem... não confessam,

dão palmadinhas reconfortantes,

aos seus iguais, aos extravagantes,

 

numa influência vergonhosa,

corrupta, promíscua, dengosa,

esquecendo o que são, uma passagem,

entregues que estão... imensa voragem,

 

calcando os humildes, não dando perdão,

porque se enganam,

acumulando, cifrão, atrás de cifrão,

mais milhão, menos milhão,  mostrando, sem parcimónia…, ostentantação!!!... …

 

é enorme, a diferença, entre os que não comem,

os que não têm fome,

muito acima de credos... de qualquer crença, aviltamento,

 

desprezo, outro nome, disfarçado de aparência,

quando excelência...

elevado, rodeado pelos mais dilectos,

quem provoca a pobreza dura excrescência,

 

quem a ignora... a não chora,

abjectos,

sem formação alguma, vendo um barraca, uns tarecos,

mulheres, homens indefesos, sem tostão... mais que tesos,

 

num Mundo à parte... excluídos,

tratados como foragidos,

não engrandece seja quem for,

provoca mágoa, provoca dor,

 

dá oportunidade, mais uma valia, sobre aqueles pobres,

dali tirados... mais uns terrenos, negócio,

fantasia, logros, promessas… depois de chutados!!!... …

 

a diferença, não se justifica... entre a riqueza e a miséria,

alguns, com tudo, com excessos,

herdados, criados ou… adversos,

mais que contestados, quando não justificados,

 

num desequilíbrio profundo, degradante,

tal como dantes... nos tempos do tratante,

pouco mudámos, depois de ver, avaliar, só temos o privilégio de falar,

de escrever o que nos passa pelo toutiço,

 

ah...… e de votar, quando nos sentimos,

como ficámos, ganhou o meu, o teu… perdeu,

foi o que nos valeu,

 

depois volta ao mesmo, com cartilha repetitiva, a esmo,

esquecendo, vivendo sem viver, sofrendo,

com o que se não deveria ver, nesta democracia de brincar,

sempre em, frente, sem alterar,

 

errando, uma e outra vez,

tal como se faz...… tal como se fez!!!... Sherpas!!!...

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Arquivo

    1. 2023
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2022
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2021
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2008
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2007
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2006
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2005
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2004
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D

Em destaque no SAPO Blogs
pub