Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Sherpasmania

... albergue de poemas, poesias e... outras manias, bem sentidas, por sinal!!!...

Sherpasmania

... albergue de poemas, poesias e... outras manias, bem sentidas, por sinal!!!...

04
Mar06

... seres que... são vermes!!!...

sherpas

como maçã bela, reluzente,

apetecível... incomestível, mete-se pelos olhos, aparente,

cativa quem a compra, enriquece quem a vende,

inconcebível, pasmado me quedo, como gente,

DSC03924.JPG

comparo, não descarto,

acontecimento previsto, mais que pensado,

mais que visto, bola imensa, harmoniosa,

que... apesar dos atentados, se mantém bem formosa,

 

girando, num desconcerto, rodando,

chiando, rangendo, manifestando... desagrados,

descomprimindo algum aperto,

oprimindo corações mais sensíveis,

quando os incríveis, nada críveis,

 

levados pela cobiça... que se atiça,

berrando excessos, mostrando injúrias,

roubos profundos, magmas e lamas,

fluxos repentinos, tremuras repetidas... catástrofes e chamas!!!...

 

mortes incontáveis,

sentidas, vermes imparáveis...

mexem e remexem, vulneráveis,

sem senso, pouco hábeis,

 

desconhecedores do que ignoram,

mesmo quando choram... trémulos e crentes,

rezando seus medos, anseios, repentes,

seduzidos pelo que reluz,

vida fútil, farta e basta, com tudo que se produz,

 

num contraluz, mal situados,

insensatos... e maus,

com armas, com fúrias, com varas, com paus,

destruindo, de caminho, nunca sentindo,

a beleza que possuem, destroçando… mentindo!!!...

 

ciência que avança, que descobre, que inventa,

energias que se buscam... quando rebuscam,

quereres que se sobrepõem, quando intentam,

 

quando dispõem, tudo se tenta,

maravilhas da tecnologia, males que surgem, que nos ofuscam,

falta de fantasia, harmonia que não gera,

quando desespera...

 

flor que murcha, que altera,

verde pastoso, prado sem gado, tudo se espera,

tudo estragado, maçã que se não come, bela, reluzente,

enorme, bicho que se multiplica... que corrói, que investiga,

 

que já não tem tempo, que aldraba,

que mente... que oprime porque não sente!!!... …

 

que esconde pavores,

câmara de horrores...

casa perdida, rangente, chiando, com seus escapes,

borrascas medonhas, calores... tremores,

 

montanhas que caem,

que sepultam no momento,

como um triste evento,

esquecido, perdido, sol pardacento...

 

alvor sem poema,

incúria, desperdício, falso dilema,

águas pútridas, ácidas, doentes, conflitos e gritos,

escárnios, dejectos,

seres que são vermes… de tão abjectos!!!... Sherpas!!!...

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Arquivo

    1. 2022
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2021
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2008
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2007
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2006
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2005
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2004
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D

Em destaque no SAPO Blogs
pub